Publicidade

X

SAÚDE DO PET

Calor animal: Como o seu pet pode sofrer menos neste verão de 2024

A Gazeta conversou com veterinários que contaram como deixar seu bichinho seguro e saudável neste verão com altas temperaturas

Nathalia Fruchi/Assistente de Redação*

Publicado em 07/12/2023 às 12:00

Atualizado em 07/12/2023 às 16:31

Comentar:

Compartilhe:

A-

A+

Publicidade

Veterinários contaram como deixar seu pet seguro e saudável neste verão com altas temperaturas / Unsplash

O verão só começa no dia 22 de dezembro, mas os brasileiros já estão enfrentando as altas temperaturas em todo o País. O calor não afeta somente os humanos mas também os pets, e por isso é preciso atenção à saúde dos animais. A Gazeta entrevistou dois veterinários que compartilharam dicas para manter em segurança os nossos bichinhos. Confira abaixo:

Como posso evitar que meus pets sofram tanto com o calor?

Segundo a veterinária dermatóloga, Carynn Araujo da Crystal Pet Store, existem alguns métodos e caminhos para aliviar o calor nos pets, sendo eles:

  1. Picolé de frutinhas - colocar as frutas em pedaços ou batido com água em forminhas de gelo e colocar no congelador. É nutritivo e excelente para ajudar a se refrescar 
  2. Comprar labirintos de comida interativa com comida congelada!
  3. Encher o brinquedo com sachê, colocar no freezer e oferecer para o pet as refeições nos dias quentes. Além de refrescar também ajuda na ingestão de água
  4. Molhar a barriguinha com água fresca 
  5. Evitar passeios nos horários mais quentes do dia entre 9h30 e 16h30
  6. Umedecer uma toalha, colocar no congelador durante 10 minutos e deixar o pet deitar em cima
  7. Trocar a água várias vezes no dia para garantir água fresca e colocar gelo, se necessário 
  8. Deixar um ventilador na altura do pet, para garantir que o vento vá na direção deles
  9. Manter o controle de pulgas e carrapatos em dia, pois nessa época do ano a incidência é maior.

Faça parte do grupo da Gazeta no WhatsApp e Telegram.
Mantenha-se bem informado.

Já o veterinário Lucas Edel apontou que caso seja observado nos dias quentes os sinais abaixo, é necessário procurar o médico veterinário com urgência:

  • Ofegante;
  • Salivação;
  • Síncope (desmaios);
  • Fraqueza e
  • Letargia.

*Assistente de Redação sob supervisão de Matheus Herbert.

Apoie a Gazeta de S. Paulo
A sua ajuda é fundamental para nós da Gazeta de S. Paulo. Por meio do seu apoio conseguiremos elaborar mais reportagens investigativas e produzir matérias especiais mais aprofundadas.

O jornalismo independente e investigativo é o alicerce de uma sociedade mais justa. Nós da Gazeta de S. Paulo temos esse compromisso com você, leitor, mantendo nossas notícias e plataformas acessíveis a todos de forma gratuita. Acreditamos que todo cidadão tem o direito a informações verdadeiras para se manter atualizado no mundo em que vivemos.

Para a Gazeta de S. Paulo continuar esse trabalho vital, contamos com a generosidade daqueles que têm a capacidade de contribuir. Se você puder, ajude-nos com uma doação mensal ou única, a partir de apenas R$ 5. Leva menos de um minuto para você mostrar o seu apoio.

Obrigado por fazer parte do nosso compromisso com o jornalismo verdadeiro.

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

Assassinato

VÍDEO: Policial aposentado é morto por criminoso na zona leste de SP

Criminoso estaciona e mata policial aposentado; arma do ex-agente é roubada

CRIMINALIDADE

Polícia Civil fecha empresa que aplicava golpes financeiros no centro de SP

Golpe era através de aplicativos de mensagens; 23 pessoas foram apreendidas na operação

©2021 Gazeta de São Paulo. Todos os Direitos Reservados.

Layout

Software

Newsletter