X

CURIOSIDADE

Por que nunca se deve chegar perto de uma baleia morta

O risco de um acidente é maior do que se pensa

Joe Silva

Publicado em 20/01/2023 às 16:50

Atualizado em 20/01/2023 às 17:01

Comentar:

Compartilhe:

A-

A+

Publicidade

Baleia encalhada em Pernambuco / Reprodução / WhatsApp)

Animais fascinantes, as baleias chamam a atenção até quando perdem a vida. Isso porque, diferente do que ocorre na maioria das vezes, quando o corpo do animal afunda no oceano, algumas baleias acabam flutuando depois de mortas e encalham nas praias. Neste cenário, muitas pessoas podem se atrever a tocar no animal, mas esta atitude esconde um risco terrível. É importante saber por que nunca se deve tocar em uma baleia morta.

Depois que morre, o corpo de algumas baleias começa a produzir gazes que vão se acumulando e fazendo com que a carcaça se expanda em tamanho. Isso porque a carcaça possui uma pele rígida que impede que esses gazes sejam liberados, segundo o site Mistérios do Mundo. Assim, o animal pode ganhar a aparência de um gigante balão.

O grande problema é que os gazes podem se acumular tanto que podem fazer o corpo liberalmente explodir, espalhando dejetos por até dez metros de distância.

Para evitar isso, alguns cientistas franceses tiram a ideia de fazer pequenos furos no corpo do animal para permitir a liberação de gases e evitar esse tipo de acidente.

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

Transporte Público

Metrô apresenta problemas e dificulta manhã do paulistano

Problema teria ocorrido por volta das 4h40 na estação Tiradentes linha 1-Azul; passageiros recorreram às linhas de ônibus para chegar ao destino

Confusão generalizada

VÍDEO: GCMs são agredidos durante ação em Osasco

O estabelecimento foi lacrado por descumprir uma lei municipal, que determina o horário de funcionamento de bares até a meia-noite

©2021 Gazeta de São Paulo. Todos os Direitos Reservados.

Layout

Software

Newsletter