últimas notícias

Porto Feliz

Prefeitura decidiu restringir os acessos para entrada e saída da cidade por apenas três locais
Prefeitura decidiu restringir os acessos para entrada e saída da cidade por apenas três locais
Foto: Divulgação PMPF

Porto Feliz restringe acesso à cidade para conter a Covid-19

BARREIRAS SANITÁRIAS. O objetivo da ação é rastrear a circulação na cidade e evitar a proliferação do coronavírus

Na manhã da última terça-feira, a Prefeitura de Porto Feliz decidiu implantar barreiras sanitárias na cidade. Essas barreiras começaram a operar na manhã de quartafeira, 25. O objetivo da ação é rastrear a circulação dos moradores na cidade e evitar a proliferação do coronavirus (Covid-19).

De acordo com a Administração, "os acessos para entrada e saída da cidade serão realizados por apenas três locais, onde estarão as barreiras sanitárias, prestando orientações e recomendações aos motoristas".

Ainda de acordo com a Prefeitura de Porto Feliz, os pontos de acesso são: Acesso Porto Feliz x Sorocaba (Hotel Porto Feliz Executive), Acesso Perimetral Mário Covas (CPFL) e Acesso Porto Feliz X Rafard.

CASOS.

A Secretaria de Saúde de Porto Feliz divulgou que até a tarde de sexta-feira, não havia nenhum caso confirmado de coronavírus na cidade.

O município seguia com 22 casos suspeitos, todos eles em isolamento e sendo monitorados. Ainda segundo a Secretaria de Saúde, 16 casos foram excluídos pelo Ministério da Saúde.

AÇÕES CONTRA O VÍRUS.

Na semana passada, a Prefeitura de Porto Feliz divulgou uma série de medidas para conter a proliferação do coronavírus (Covid-19). Entre as ações estão a suspensão das aulas, fechamento de comércios e casas noturnas, centros culturais, igrejas entre outros espaços. Além disso, a Administração destinou dois postos de saúde para realizarem atendimentos específicos a moradores com sintomas do
coronavírus.

"Pedimos que as famílias fiquem em casa e que protejam principalmente os mais velhos. Tomamos medidas para que não tenhamos desastres aqui", disse o chefe do executivo na ocasião.

De acordo com o decreto nº 8.052, devem fechar as portas todas as casas noturnas, espaços destinados à realização de festas, clubes sociais e esportivos, bares, lanchonetes, igrejas, academias, cinemas, clínicas de estéticas e salões de
cabeleireiro.

Estabelecimentos como farmácia e drogaria, hipermercados, supermercados, açougues peixarias, mercearias, lojas de vendas de alimentos para animais, postos de combustíveis e padarias não irão precisar interromper as suas atividades.

ATENDIMENTO MÉDICO.

Duas unidades de saúde do município foram separadas para realizarem um serviço específico para moradores que apresentarem sintomas do coronavírus.

O Posto da Popular no Jardim Excelsior atenderá todos os dias, das 7h às 19h. Já o Posto do bairro Bambu atenderá de segunda a sexta-feira, das 7h às 17h.

De acordo com a prefeitura, nesses dois postos os moradores que procurarem atendimento passarão por uma triagem e receberão os encaminhamentos necessários caso seja constatado o vírus. (Matheus Herbert)

Tops da Gazeta