últimas notícias

Porto Feliz

Álcool em gel produzido irregularmente em Sorocaba continha matéria-prima tóxica
Álcool em gel produzido irregularmente em Sorocaba continha matéria-prima tóxica
Foto: Divulgação PMS

Empresa usava etanol para fabricar álcool em gel

Empresa não tinha licença para operar em Sorocaba e é suspeita de usar matéria-prima tóxica; caso ainda é investigado

Na última quinta-feira, uma ação conjunta entre policiais civis e a Vigilância Sanitária de Sorocaba fechou dois galpões usados por uma empresa suspeita de fabricar álcool em gel que tinha o etanol como matéria-prima. O caso ainda é investigado.

Quando os agentes chegaram, encontraram funcionários trabalhando e diversas caixas com frascos de álcool em gel já prontas para serem comercializadas. Caminhões de etanol descarregavam a matéria-prima em tanques da empresa, segundo os agentes.

O proprietário da empresa tinha licença para operar em Votorantim, mas a empresa está instalada no Jardim do Paço, área da cidade de
Sorocaba.

Ele foi levado para o plantão policial, onde seria indiciado pelo artigo nº 275 do Código Penal, que prevê crime de perigo abstrato, que consiste em fabricar produtos alimentícios, terapêuticos ou medicinais, com a existência de substância que não se encontra em seu conteúdo.

O etanol é tóxico para o ser humano e não pode ser usado na pele. O crime tem pena prevista de 1 a 5 anos de reclusão, além de multa.
(GSP)

Tops da Gazeta