últimas notícias
Dr. Cássio Habice Prado (PTB) é o atual prefeito de Porto Feliz e busca nessas eleições a sua reeleição
Dr. Cássio Habice Prado (PTB) é o atual prefeito de Porto Feliz e busca nessas eleições a sua reeleição
Foto: FOTOS: DIVULGAÇÃO/PMPF

Eleições 2020: 'Colocamos as finanças em ordem', diz Dr. Cássio

Dr. Cássio ressaltou as conquistas de seu mandato, e diz que agora, é preciso dar sequência no seu plano de governo

Nesta edição, a Gazeta fecha a série especial de entrevistas com os candidatos à Prefeitura de Porto Feliz. O último sabatinado é o atual prefeito, que busca a reeleição, Dr. Cássio Habice Prado (PTB). O chefe do executivo manteve o mesmo candidato a vice-prefeito, José Geraldo Pacheco da Cunha, conhecido como Gerão.

Dr. Cássio ressaltou as conquistas de seu primeiro mandato, entre elas, colocar as finanças da Administração em dia, e diz que agora é preciso continuar no cargo para dar sequencias nas obras e de seu plano de governo.

Em 2016, o atual prefeito foi eleito com 50,22% dos votos válidos, equivalente a 12.084 votos. Veja entrevista abaixo:

GSP - Caso seja reeleito, quais projetos que o senhor pretende dar sequência em Porto Feliz?

Dr. Cássio - Nesse nosso primeiro mandato fizemos muito. Posso dizer isso sem falsa modéstia. Em primeiro lugar, colocamos as finanças em ordem. Hoje, Porto Feliz tem uma prefeitura com as contas em dia e os recursos para continuar com as obras e realizações necessárias. Para este próximo mandato temos um projeto completo de ações, abordando todas as áreas. Nada de palavras vazias ou falsas promessas.

Na Saúde, a nossa prioridade será a construção de um novo Pronto Socorro, moderno, equipado, com todos os serviços de diagnósticos. Um novo posto de saúde também será construído para atender à crescente demanda da região do Jardim Vante e Altos do Jequitibá. Além disso, vamos criar o Resgate, para os atendimentos de urgência e emergência. Também teremos Centros de Diagnósticos Cardiológicos e Otorrinológicos, com serviços de Neurocirurgia na Santa Casa.

GSP - Porto Feliz nos últimos anos se tornou uma cidade referência para a instalação de empresas. O senhor continuará investindo na geração de empregos?

Dr. Cássio - Porto Feliz de fato passou por grandes transformações nos últimos 4 anos sendo uma referência na geração de empregos e renda para a nossa população. Foram mais de 5 mil empregos criados com as grandes empresas e indústrias que trouxemos para a nossa cidade. Mais de 1.000 pequenos negócios também foram abertos. Nós estamos propondo nada menos que 14 ações para gerar ainda mais empregos e renda. Em primeiro lugar vamos investir muito no novo Distrito Industrial, já em implantação, nos Altos do Jequitibá e com isso a oferta de empregos vai aumentar. Precisamos também incentivar os pequenos empreendedores, com o fortalecimento do Programa de Microcrédito. Vamos criar uma incubadora de empresas e dar incentivo às modernas startups. A Casa do Empreendedor vai merecer uma atenção especial, em parceria com o SEBRAE, para incentivar e formalizar os pequenos negócios. Com o CEMIP/SENAI iremos ampliar os cursos gratuitos.

GSP - Quais são os seus projetos para as áreas de educação e segurança pública?

Dr. Cássio: EDUCAÇÃO - Na Educação, área primordial, são muitos os projetos, entre eles as escolas em tempo integral. A primeira escola deste tipo será implantada no Altos de Jequitibá. Vamos fazer uma progressão gradativa em toda a Rede Municipal de Educação para o Ensino Fundamental, nos anos iniciais e finais. Tecnologia digital, uma exigência do mundo moderno, nos anos finais do Ensino Fundamental, com laboratórios de Informática nas unidades escolares vai melhorar as oportunidades dos nossos estudantes. Em parceria com o Sebrae, vamos também oferecer aulas de empreendedorismo.

Também vamos focar na segurança pública e na questão da moradia com 197 casas já sorteadas e 617 aguardando aprovação da caixa econômica federal. Todas deverão ser construídas nos próximos dois anos.

É preciso deixar claro, que antes da nossa gestão (nos 12 anos anteriores) apenas 170 casas populares foram construídas em Porto Feliz. Infelizmente, durante o nosso primeiro mandato fomos surpreendidos com o fim da chamada Faixa 1 do antigo programa Minha Casa Minha Vida, para o qual estávamos programados. Com isso tivemos que buscar uma opção local, para a construção de 617 casas.

Paralelamente buscamos também outras alternativas e, em parceria com o governo estadual, através do CDHU, com terreno doado pela prefeitura, serão construídas 197 casas, cujos proprietários já foram escolhidos através de sorteio.

SEGURANÇA - Na Segurança, área importante também para a criação de um ambiente favorável para os negócios e os novos empreendimentos, vamos ampliar a Rotam, criada em nossa gestão em 2017, com as rondas táticas com motocicletas. Em todas elas, será implantado também o Sistema de Monitoramento e ampliaremos o Grupo de Operações com Cães, que foi criado em 2018. A Patrulha Rural, com viaturas adequadas e equipes especializadas será criada e o efetivo da GCM ­ampliado ­gradativamente.

GSP - Qual o principal desafio para o próximo administrador da cidade?

Dr. Cássio - O grande desafio é fazer com que a nossa cidade continue crescendo. Porto Feliz não pode parar, voltando para tempos passados, quando se encontrava endividada, sem investimentos, sem criar novas oportunidades de emprego e renda para nossos cidadãos, sem perspectivas, sem nada. O desafio é consolidar todas as nossas conquistas, os avanços na saúde, na conquista de novos empregos, na educação e nas obras de infraestrutura.

GSP - Caso seja reeleito, o que os moradores podem esperar da sua gestão?

Dr. Cássio - O que posso prometer é continuar trabalhando com o mesmo empenho, a mesma força, a mesma disposição, sempre baseado em projetos possíveis, bem planejados, técnicos, mantendo as finanças em dia, com a administração pública trabalhando para todos e não para grupos particulares, de forma que possamos continuar avançando para uma Porto Feliz cada vez melhor, mais desenvolvida, mais rica e com mais oportunidades para ­todos. Esse é o meu compromisso. É isso o que as pessoas podem esperar desse novo mandato. (­Matheus Herbert)

Tops da Gazeta