últimas notícias
Na casa de um dos suspeitos a polícia ambiental encontrou 73 munições, quatro espingardas de pressão e 22 aves silvestres
Na casa de um dos suspeitos a polícia ambiental encontrou 73 munições, quatro espingardas de pressão e 22 aves silvestres
Foto: Divulgação Polícia Ambiental

Dupla é detida por manter aves silvestres em cativeiro

A Polícia Ambiental deteve dois homens na manhã do último sábado em São Sebastião. Os suspeitos foram levados à delegacia por posse ilegal de armas e por manter aves silvestres em cativeiro, em condições consideradas de maus tratos.

A dupla foi encontrada pelos agentes em uma cabana usada por caçadores no Parque Estadual da Serra do Mar. No ambiente havia duas espingardas, 36 munições de diversos calibres, além de uma gaiola com uma ave Bico de Pimenta, utilizada para outras outros pássaros para armadilhas.

De acordo com informações do portal "G1", após a abordagem, os policiais ambientais encontraram na casa de um dos suspeitos 73 munições, quatro espingardas de pressão e 22 aves silvestres mantidas ilegalmente em cativeiro.

A ocorrência foi registrada na Delegacia de São Sebastião. Cada um dos suspeitos pagou R$ 4 mil de fiança para ser libertado.

Além da fiança, as multas aplicadas aos dois pelos crimes ambientais somam
R$ 81,5 mil. (GSP)

Tops da Gazeta