últimas notícias

Vereadores de Campo Limpo Paulista abrem processo para investigar prefeito

Na sessão da última
terça-feira, os vereadores de Campo Limpo Paulista, abriram uma Comissão Processante para investigar uma possível improbidade administrativa cometida pelo prefeito Japim de Andrade (PROS). As informações são do "G1"

A abertura da Comissão Processante foi aprovada por unanimidade. Os 13 vereadores disseram "sim" ao documento de 16 páginas.

Uma advogada da cidade alega que o prefeito ignorou inúmeras irregularidades ao renovar o contrato com a entidade social Casa da Paz.

Entre os problemas apontados por ela estão a falta de documentos legais da entidade e condenações trabalhistas envolvendo o município. A advogada afirmou ao "G1" ainda que funcionários comissionados faziam parte da diretoria da entidade.

Os vereadores sortearam os três integrantes da Comissão Processante e Cristiane Damasceno (MDB) será a presidente. "Com essa investigação vamos obter os resultados verídicos, as oitivas que são necessárias e todas as pessoas serão ouvidas. A investigação será feita com muita seriedade pela Câmara", disse a
vereadora.

A Prefeitura de Campo Limpo Paulista disse que não há indícios de irregularidades no contrato e que ainda não foi notificada sobre a decisão dos vereadores.
(GSP)

Tops da Gazeta