últimas notícias
Excesso de velocidade é o principal motivo dos acidentes na cidade de Jundiaí, no interior de SP
Excesso de velocidade é o principal motivo dos acidentes na cidade de Jundiaí, no interior de SP
Foto: REPRODUÇÃO/TV TEM

Sem radar, Jundiaí é líder na região em batidas em postes

Motorista deve pagar pelos danos causados e valor pode chegar a R$ 10 mil; cidade está há mais de 4 anos sem radares de velocidade

O município de Jundiaí é líder na região em acidentes de carros e motos que batem em postes, segundo especialistas do trânsito. Ainda de acordo com os especialistas, o principal motivo dos acidentes é o excesso de velocidade. Do começo do ano até agora, mais de 200 postes foram atingidos na cidade. As informações são do "G1".

Nos últimos dois anos, o número se manteve e está à frente de todas as cidades das regiões de Jundiaí, Sorocaba e Santos.

Sorocaba está na segunda colocação. Em 2018, os motoristas acertaram 147 postes. Em 2019, foram 116.

Em março, por exemplo, um caminhão carregado de fitas adesivas perdeu o freio e atingiu o poste e a fiação elétrica, na avenida Armando Giassetti, em Jundiaí.

O diretor de Trânsito da cidade, Wlamir Costa, aponta dois motivos que levam a cidade a manter o título. "A perda do controle mais a força que ele atinge o poste são resultantes de velocidade. Isso nós temos certeza: que a velocidade é a principal causa deste tipo de acidente", disse ao "G1"

A cidade está há mais de quatro anos sem radares de velocidade. A instalação dos equipamentos, que deve ocorrer no primeiro trimestre do ano que vem, pode reduzir o número de acidentes envolvendo postes. O que muita gente não sabe é que o motorista deve pagar pelos danos causados.
(GSP)

Tops da Gazeta