últimas notícias

Programa combate abuso contra menores

A Secretaria Municipal de Esportes e Lazer (Seme) lançou nesta terça-feira, no Museu do Futebol, na zona oeste da Capital, o Clube Amigo da Criança. O objetivo da ação é implementar diretrizes de proteção integral à criança e ao adolescente nos centros esportivos municipais, transformando-os em espaços seguros e acolhedores, que sejam livres de exploração, negligência e violência, segundo a prefeitura.

O secretário municipal de Esportes e Lazer, Carlos Bezerra Jr, disse na abertura do evento que o abuso abala para sempre a vida de uma criança, por isso é um problema que precisa ser encarado de frente pelo poder público e toda a sociedade.

Na primeira fase do projeto, ainda em 2019, serão beneficiadas 2.000 crianças e adolescentes de dez centros esportivos. Foram capacidades gestores, coordenadores de clubes e professores, numa total de 210 servidores públicos.

Três certificações vão identificar o nível das políticas de proteção à criança e ao adolescente nos centros esportivos que integrarem o Clube Amigo da Criança.

O Centro Olímpico de Treinamento e Pesquisa, referência no esporte de alto de rendimento no País, está entre os 11 centros esportivos que inicialmente vão integrar o Clube Amigo da Criança. A prefeitura tem 47 centros esportivos. (GSP)

Tops da Gazeta