últimas notícias
O rompimento de pneu em uma composição no dia 27 de fevereiro provocou a paralisação do monotrilho
O rompimento de pneu em uma composição no dia 27 de fevereiro provocou a paralisação do monotrilho
Foto: Ciete Silverio/Governo do Estado de São Paulo

Trens do monotrilho da Linha 15-Prata continuam parados

Há mais de uma semana, passageiros que utilizam a linha enfrentam transtornos para buscar outras alternativas de transporte público

Os trens do monotrilho da Linha 15 - Prata, na zona leste da cidade de São Paulo, ainda estão com o funcionamento paralisado nesta sexta-feira (6), Há mais de uma semana, passageiros que utilizam a linha enfrentam transtornos para buscar outras alternativas de transporte público.

O rompimento de pneu em uma composição na quinta-feira da semana passada, dia 27, provocou a paralisação do monotrilho. No último fim de semana foram realizados testes, mas a interrupção permaneceu nos dias seguintes.

Segundo a Companhia do Metropolitano de São Paulo (Metrô), "toda a frota está sendo inspecionada pelo Metrô e pela fabricante Bombardier para garantir a retomada da operação com segurança". Ainda não há previsão para o funcionamento voltar ao normal. Passageiros reclamam da demora para o serviço ser retomado.

A São Paulo Transporte (SPTrans) afirma que o Plano de Atendimento entre Empresas de Transporte em Situação de Emergência (Paese) foi novamente acionado nesta sexta-feira pelo Metrô, entre as estações São Mateus e Vila Prudente, das 4h20 até o fim da operação do dia.

Acidentes

Em janeiro do ano passado, aconteceu uma colisão entre dois trens do monotrilho da Linha 15 - Prata. O acidente envolveu veículos vazios e não registrou vítimas. O operador de trem, no entanto, ficou ferido.

Comentários

Tops da Gazeta