últimas notícias
Fachada da Santa Casa de Santo Amaro, na zona sul
Fachada da Santa Casa de Santo Amaro, na zona sul
Foto: Reprodução/TV Globo

Quatro hospitais municipais de São Paulo estão com 100% dos leitos de UTI ocupados

Hospitais Carmem Prudente, Cruz Vermelha, Santa Casa de Santo Amaro e São Luiz Gonzaga não têm vagas

Quatro hospitais da capital paulista estavam com 100% dos leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) ocupados nesta terça-feira (19). Os hospitais municipais Carmem Prudente (centro) e o São Luiz Gonzaga (zona norte) não têm leitos disponíveis.

O mesmo ocorre nos hospitais da Cruz Vermelha e Santa Casa de Santo Amaro, ambos na zona sul, onde não têm mais vagas para leitos de UTI.

O Hospital Santa Marcelina está em estado de alerta, com 89% da ocupação de UTI, assim como os hospitais Tide Setúbal (73%) e o Bela Vista (88%).

O levantamento de ocupação é correspondente aos leitos da rede municipal ou que foram contratados pela Prefeitura de São Paulo para atender a demanda no sistema público.

Rede privada

No último sábado (16), o Sindicato dos Hospitais, Clínicas e Laboratórios do Estado de São Paulo divulgou um levantamento apontando que a rede privada também está sendo afetada.

Cerca de 64% dos hospitais particulares do estado de São Paulo registram mais de 80% de ocupação dos leitos de UTI para Covid-19 ocupados.

Comentários

Tops da Gazeta