últimas notícias
Atualmente, a malha cicloviária de SP tem 645 km de extensão; Plano Cicloviário pretende ampliar esse número
Atualmente, a malha cicloviária de SP tem 645 km de extensão; Plano Cicloviário pretende ampliar esse número
Foto: Andrew Gook/Unsplash

Ciclovias: Viaduto Pompeia recebe nova estrutura cicloviária

Prefeitura de SP concluiu as obras e a sinalização da nova ciclofaixa do Viaduto Pompeia; estrutura se conecta com ciclofaixa da avenida Marquês de São Vicente

A Prefeitura de São Paulo concluiu as obras e a sinalização da nova ciclofaixa do Viaduto Pompeia, na zona oeste da cidade, que une os bairros da Pompeia e da Barra Funda. A nova estrutura cicloviária se conecta com a ciclofaixa da avenida Marquês de São Vicente. Com 790 metros de extensão, a ciclofaixa é bidirecional, ou seja, de mão dupla. Além da preparação do piso, a ciclofaixa recebeu o novo padrão de sinalização, que traz mais segurança aos ciclistas.

A ação foi realizada por meio da Secretaria Municipal de Mobilidade e Transportes (SMT) e da Companhia de Engenharia de Tráfego (CET).

Leia mais:

A entrega da nova estrutura faz parte do Plano Cicloviário da Prefeitura de São Paulo, que tem como objetivo ampliar a malha cicloviária da cidade. Além das novas ciclovias e ciclofaixas, o Plano Cicloviário também está requalificando a malha já existente. Atualmente, a malha cicloviária da cidade tem 645 quilômetros de extensão. 

Os números dos relatórios de acidentes da CET mostram que, quanto mais estruturas exclusivas para bicicletas, menor é o número de mortes de ciclistas. Por exemplo, entre 2011 e 2018, período em que a malha cicloviária passou de 74 quilômetros para 503,6 quilômetros de extensão, o número de mortes de ciclistas caiu na proporção em que a malha crescia: redução de 61% nas mortes na comparação entre o primeiro e o último ano.

Comentários

Tops da Gazeta