últimas notícias
Vacinação de moradores de rua com mais de 60 anos no Belenzinho, zona leste da Capital
Vacinação de moradores de rua com mais de 60 anos no Belenzinho, zona leste da Capital
Foto: Danilo Verpa/Folhapress

Capital começa a vacinar profissionais de saúde com 50 anos nesta quarta

Gestão municipal espera cerca de 20 mil trabalhadores em toda a rede de vacinação da cidade de São Paulo

A Prefeitura de São Paulo inicia nesta quarta-feira a vacinação de trabalhadores dos serviços da área de saúde com 50 anos ou mais. O público-alvo é de 20 mil pessoas.

De acordo com os parâmetros da gestão municipal, estão incluídos todos os profissionais da saúde que atuam em espaços e estabelecimentos de assistência e vigilância à saúde. Entre os profissionais que podem se vacinar estão médicos, enfermeiros, auxiliares de enfermagem, farmacêuticos, técnicos de farmácia, nutricionistas, fisioterapeutas, técnicos de laboratório, fonoaudiólogos, dentistas e auxiliares, psicólogos, assistentes sociais, profissionais de educação física e médicos veterinários.

Leia mais:

Toda a rede de vacinação da cidade, inclusive as 468 UBSs, está disponível aos públicos elegíveis da campanha, o que inclui pessoas de grupos prioritários anteriores que ainda não iniciaram ou completaram o esquema vacinal.

Nas UBSs, a vacinação é realizada de segunda a sexta-feira, das 7h às 19h. Nas Amas e UBSs integradas o horário é o mesmo, incluindo sábados e feriados. A vacinação também é realizada nos Centros de Saúde, nos SAEs (Serviços de Atenção Especializada) e nos postos volantes, farmácias conveniadas e drives thrus.

Para saber informações de todas as unidades, acesse bit.ly/2PEmjiE. A gestão municipal também sugere que os profissionais se cadastrem no site Vacina Já (vacinaja.sp.gov.br) para agilizar a vacinação.

 

Comentários

Tops da Gazeta