últimas notícias
Vacinação contra a Covid-19
Vacinação contra a Covid-19
Foto: Tânia Rêgo/Agência Brasil

Prefeitura de SP diz que doses da AstraZeneca foram aplicadas dentro da validade

Segundo gestão municipal, após investigação ficou constatado que todas as pessoas tomaram o imunizante dentro da validade na Capital

A Prefeitura de São Paulo informou na noite desta quarta-feira (14) que, após identificar e investigar o caso das 968 pessoas que teriam sido imunizadas com vacinas supostamente vencidas no município, ficou constatado que todas tomaram o imunizante dentro da validade. O resultado do rastreamento evidenciou apenas que ocorreu um atraso no cadastramento, não resultando na aplicação de vacinas vencidas.

Segundo a gestão municipal, após identificar as 968 pessoas, a relação foi enviada às respectivas Unidades Básicas de Saúde (UBSs), quando foi iniciado o contato com cada munícipe para realizar a checagem final entre a informação cadastrada no sistema e o momento de aplicação. O resultado comprovou apenas o atraso no cadastro.

A Secretaria Municipal da Saúde (SMS) também informou que na Capital "a data de validade de todos os imunizantes passa por uma tripla checagem: no recebimento, na distribuição e na aplicação da vacina, inclusive, com a apresentação do frasco ao cidadão".

Vacina da gripe

Desde segunda-feira (12), a cidade de São Paulo passou a aplicar a vacina da gripe em toda a população interessada com idade acima de seis meses. Em dois dias, segundo a Secretaria Municipal da Saúde, 89.221 pessoas a buscaram a dose anual e trivalente nas Unidades Básicas de Saúde (UBSs) e AMAs/UBSs Integradas. Agora, a Capital registra 53,2% de cobertura vacinal contra o vírus influenza.

A cidade de São Paulo pretende concluir a meta de imunizar 4,5 milhões de pessoas em 2021. Até o término dos estoques do imunizante, a vacinação será feita por ordem de chegada e sem prioridade.

Comentários

Tops da Gazeta