últimas notícias
De olho no Poder
Semanalmente, o jornalista Bruno Hoffmann traz uma apuração exclusiva sobre a política paulista.
[email protected]
As eleições de 15 de novembro de 2020 renovaram a Câmara Municipal de São Paulo em 40%
As eleições de 15 de novembro de 2020 renovaram a Câmara Municipal de São Paulo em 40%

Câmara de São Paulo aprova pagamentos a artistas por lives

De Olho no Poder: os fatos da política de São Paulo na visão do jornalista Bruno Hoffmann

A Secretaria Municipal de Cultura vai pagar cachês para artistas da Capital produzirem apresentações pela internet, mais conhecidas como lives. A proposta do vereador Reis (PT), incluída em outro projeto de lei também de sua autoria, foi aprovada pela Câmara Municipal por 43 votos a 5 nesta semana. Entre os votos contrários estão o de Janaína Lima (Novo), que alegou falta de transparência. “Não há garantia que os recursos chegarão aos mais vulneráveis e atingidos pela crise. Quais serão os critérios para distribuir recursos públicos? Novamente nenhuma transparência”, disse. O vereador Caio Miranda Carneiro (DEM) também votou de forma contrária porque, justificou, a proposta não tem foco em artistas da periferia. O projeto seguiu para sanção do prefeito Bruno Covas (PSDB), que já se mostrou favorável à ideia.

Verba.

Os vereadores de São Paulo que mais utilizaram a verba de gabinete de janeiro a maio deste ano foram Camilo Cristófaro (PSB), Souza Santos (Republicanos) e Quito Formiga (PSDB). Os 55 vereadores da Casa podiam pedir reembolso, nesse período, de até R$ 121.659,40 com gastos como materiais de escritório e serviços gráficos, uma média de R$ 24.331,88 por mês. Cristófaro solicitou reembolso de R$ 120.823,65, Santos de R$ 119.624,86 e Formiga de R$ 118.850,84. Para efeito de comparação, Celso Jatene (PL) não usou qualquer valor da verba de gabinete.

Causa animal.

O vereador Benedito Furtado (PSB), de Santos, apresentou projeto de lei que pretende proibir que cães sejam conduzidos por pessoas em bicicletas, pela coleira, algo comum na orla da cidade. A multa aos ciclistas flagrados seria de R$ 1 mil. “Quero o fim do sofrimento dos cães”, disse o vereador.

Parques.

Na próxima segunda-feira, o prefeito Bruno Covas (PSDB) deve anunciar a reabertura de parques da Capital. Esses locais já estão recebendo demarcações nas áreas de descanso, para manter distância segura entre os frequentadores.

Covid na Câmara.

A coluna ligou para o gabinete de um conhecido vereador da cidade de São Paulo. Uma mulher simpática atendeu ao telefone, mas disse que não teria como chamar a pessoa responsável pela assessoria de imprensa do político. “Só estou eu aqui, todo mundo pegou Covid”, disse. Segundo ela, o vereador está sem a doença.

Pré-candidatos.

O programa Metrópole em Foco, da “Rádio Trianon”, e a Gazeta iniciaram nesta semana uma série de entrevistas com os pré-candidatos à Prefeitura de São Paulo. Os três primeiros convidados foram Filipe Sabará (Novo), Orlando Silva (PCdoB) e Jilmar Tatto (PT), que responderam questões dos jornalistas por uma hora e meia. A próxima entrevista confirmada é com Andrea Matarazzo (PSD), na proxima terça-feira. O Metrópole em Foco vai ao ar das 9h30 às 11h pelo AM 740 da “Rádio Trianon”, e é comandado pelo jornalista Pedro Nastri.

"A rua hoje é um atrativo, a pessoa gosta de ficar na rua"

Bia Doria, presidente do Fundo de Solidariedade e esposa de João Doria, ao dizer por que não se deve dar marmitas a moradores de rua.

Comentários

Tops da Gazeta