últimas notícias

Nilson Regalado

Aumento do arroz
Aumento do arroz
Foto: Depositphotos

Prepare o bolso: arroz pode subir até 30% em fevereiro

Na última quarta (22), a Federarroz admitiu que o consumidor já deverá sentir esse efeito no bolso a partir do final de fevereiro

Conforme antecipou esta coluna na semana passada, o mercado interno de arroz está sob pressão. Na última quarta-feira (22), a Federarroz admitiu que o consumidor já deverá sentir esse efeito no bolso a partir do final de fevereiro. A previsão da entidade, que representa os produtores do cereal, é que os preços subam entre 20% e 30% nos supermercados.

Segundo a Federarroz, a nova safra será colhida em março, mas não vai aliviar a pressão e já chegará ao mercado com novo patamar de preços. Entre os motivos para esse reajuste estão a diminuição na área plantada com arroz nos últimos cinco anos e o aumento nas exportações. As vendas para o exterior somaram quase 1,5 milhão de toneladas em 2019, superando a expectativa que era de 900 mil toneladas.

Esses dois fatores devem provocar uma drástica redução nos estoques internos. A estimativa do Cepea/USP é que eles caiam ao menor volume dos últimos 35 anos. Com isso, os armazéns brasileiros podem chegar ao final de 2020 com arroz suficiente para suprir apenas 15 a 20 dias de consumo interno. Neste caso, a solução será importar o cereal...

Isso ainda te sensibiliza?

As nações africanas de Zimbábue, Zâmbia, Moçambique, Madagascar, Namíbia e Malawi concentram 8 milhões e 300 mil seres humanos “desesperadamente famintos”. Os dados foram divulgados neste mês pelo Programa Mundial de Alimentos. Segundo responsáveis pelo programa, esse número “sem precedentes” aumentará com as mudanças climáticas.

Pesquisa defende...

Levantamento feito pela Associação Brasileira de Cerveja Artesanal em 200 cervejarias apontou que nenhuma delas utiliza o dietilenoglicol. A substância provocou intoxicações e mortes após contaminar bebidas da marca Backer.

...cervejas artesanais.

Entre as 200 cervejarias que responderam à Abracerva, 87,4% utilizam álcool para resfriar a cerveja durante a produção, 6% usam propilenoglicol (não tóxico ao ser humano) e 5,1% outros métodos. Apenas 1,5% usam o etileno glicol, que tem toxicidade muito inferior ao dietilenoglicol.

Brasil nas estrelas.

A Sociedade Americana de Astronomia acaba de apontar o estudo brasileiro que descreveu a descoberta de um planeta 13 vezes maior que Júpiter como um dos destaques de 2019. Participaram da pesquisa a USP e as universidades Federal do Rio Grande do Norte e Estadual de Feira de Santana, além do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe).

Filosofia do campo:

"Glória à farofa, à cachaça, às baleias/Glória a todas as lutas inglórias/Que através da nossa história/Não esquecemos jamais/Salve o almirante negro/Que tem por monumento as pedras pisadas do cais...". Aldir Blanc e João Bosco, in O Mestre-Sala dos Mares, samba em homenagem a João Cândido, líder da Revolta da Chibata (1910).

Comentários

Tops da Gazeta