últimas notícias
Repórter da Terra
Nilson Regalado traz notícias do campo que influenciam diretamente a vida do consumidor da cidade.
[email protected]
Machado em toco de arvore
Machado em toco de arvore

Enquanto a 'boiada passa', ainda há quem plante árvores

As notícias do campo por Nilson Regalado

Enquanto o País perde áreas de floresta equivalentes a oito vezes o território da Cidade de São Paulo, conforme apurou o Relatório Anual do Desmatamento Brasil/2019, enquanto a sociedade observa “a boiada passar” com o ataque às regras “infralegais” de proteção à natureza, como sugeriu o ministro do Meio Ambiente Ricardo Salles, em silêncio crianças e jovens ligados ao MST realizaram mutirões de plantio de árvores em vários estados brasileiros, especialmente na Amazônia e no Cerrado. A ação dos Sem-Terrinha e da Juventude Sem-Terra contou com a ajuda de indígenas e quilombolas e marcou a Semana Mundial do Meio Ambiente, celebrada entre os dias 1º e 5 deste mês.

A iniciativa integra a campanha nacional “Plantar árvores, produzir alimentos saudáveis”, lançada pelo MST em janeiro. A meta é semear 100 milhões de árvores em todo Brasil até 2030. O objetivo é recuperar áreas degradadas pelo mau uso agrícola, ampliar a produção de alimentos saudáveis através de árvores frutíferas e chamar a atenção para os impactos sociais e na saúde causados pela destruição ambiental. Além da perda da floresta, a crise ambiental também colocou índios e descendentes de escravos no centro das disputas pela terra, sob o império da violência. Segundo a Comissão Pastoral da Terra, ligada à Igreja Católica, em 2019 aconteceram 1.833 conflitos rurais, número recorde nos últimos dez anos.

Plano pesqueiro.
O Governo do Estado fixou prazo de 180 dias para elaboração dos Planos de Ordenamento Pesqueiro litorâneo e continental. Os Planos vão estabelecer diretrizes e regras para pesca de espécies ameaçadas de extinção nos rios e no mar, tendo como baliza o Decreto Estadual 63.853, de novembro de 2018. Os grupos de trabalho terão técnicos das Secretarias da Agricultura, Meio Ambiente e Infraestrutura.

Ética, respeito...
A ética em relação à vida animal é o principal incentivo para adoção da dieta vegetariana entre os brasileiros. A primeira pesquisa do gênero no País constatou que 62% dos vegetarianos pararam de comer carne em respeito aos animais e não por estética ou saúde...

...e obesidade.
Dentre os vegetarianos, 27,8% apresentavam sobrepeso, enquanto 75,5% dos entrevistados que ingeriam carne estavam acima do peso saudável. O estudo foi feito por quatro cientistas brasileiros, ouviu 3.300 pessoas e foi publicado em maio na revista científica PLos One.

Pense nisso.
Quando você estiver lendo esta coluna, prezado amigo ou prezada amiga, a “gripezinha” já terá provocado 35 mil mortes no Brasil, o mesmo número de óbitos causado pela gripe espanhola há 102 anos, segundo o Atlas Histórico FGV.

Filosofia do campo:
"Desrespeitando os fracos, enganando os incautos, ofendendo a vida, explorando os outros, discriminando o índio, o negro e a mulher, não estarei ajudando meus filhos a serem sérios, justos e amorosos". Paulo Freire (1921-1997), educador e filósofo pernambucano.

Comentários

Tops da Gazeta