últimas notícias
Repórter da Terra
Por Nilson Regalado - Colaborador
[email protected]
Cesta basica
Cesta basica

Tarifaço de Doria aumentará ICMS sobre alimentos em até 34% a partir de janeiro

As notícias do campo por Nilson Regalado

Quando 2021 chegar, carnes, ovos, farinhas, leites, queijos e sucos ficarão mais caros em todo o Estado. O motivo é a entrada em vigor das novas alíquotas do Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) a partir de 15 de janeiro. O aumento do imposto atingirá mais de uma centena de itens de consumo de diversos segmentos. Segundo decretos assinados pelo governador João Doria, a nova regra será válida por dois anos. A medida tentará recompor os cofres do Governo do Estado, combalidos com a queda na atividade econômica causada pela Covid.

Embora o setor mais impactado seja o de veículos usados, que terá reajuste de 207% no ICMS, também recolherão mais imposto itens como tijolos e outros 50 produtos usados na construção civil, além de setores como vestuário, calçados e móveis, entre outros.

Mas, o aumento das alíquotas deverá impactar principalmente a alimentação. Segundo a Confirp, consultoria contábil com sede em São Paulo e quase 35 anos de mercado, os bares, restaurantes e lanchonetes pagarão 15,31% mais ICMS a partir de janeiro. E isso deverá ser repassado ao consumidor.

O aumento no imposto será ainda maior para o leite e os iogurtes, que ‘vão pagar’ 27,66% a mais em ICMS, enquanto as aves abatidas em frigoríficos localizados no Estado terão reajuste de 25% no imposto. No caso dos queijos, dos sucos e das carnes bovina e suína, o tributo ficará 10,83% mais caro. Nos derivados de ovos, como clara pasteurizada desidratada ou resfriada e gema pasteurizada desidratada ou resfriada, o aumento no ICMS será de 34,29%.

Loira gelada.
O Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento prorrogou até dezembro de 2021 o prazo para fabricantes de cerveja se adequarem aos padrões de qualidade estabelecidos no final de 2019 pela Instrução Normativa 63. A norma definiu que a quantidade de malte deve ser de pelo menos 55%, especificou ingredientes proibidos e determinou que o eventual uso de outros itens na bebida deverá ficar explícito no rótulo.

Gabriela, Jorge Amado...
Na terra de ‘Gabriela, Cravo e Canela’, o MST criou um chocolate fino e aromático que acaba de seduzir comerciantes da França, da Itália e de Portugal. Produzido no Sul da Bahia, o chocolate Terra Vista apresenta ‘terroir’ único no mundo, obtido através de características genéticas e da qualidade na fermentação das amêndoas.

...e o chocolate do MST.
O MST produz desde as mudas do cacaueiro até a barra do chocolate, que é processada na agroindústria do Assentamento Terra Vista. Os pés de cacau são plantados em meio às árvores da Mata Atlântica, em sistema agroecológico.

Vejo flores em você.
Para quem gosta de flores, dezembro traz o colorido e o perfume dos agapantos, dálias, petúnias, helicônias, rosas e mini-rosas...

Filosofia do campo:
"Não se pode dormir com todas as mulheres do mundo, mas deve-se fazer esforço". Jorge Amado (1912-2001), escritor baiano, em ‘Pastores da Noite’.

Comentários

Tops da Gazeta