últimas notícias
Repórter da Terra
Nilson Regalado traz notícias do campo que influenciam diretamente a vida do consumidor da cidade.
[email protected]
Carro eletrico
Carro eletrico

Negacionismo coloca Brasil na contramão de setor de carros elétricos

O setor prospera especialmente na Europa, motivado pelo combate ao aquecimento global, evidência científica desprezada pelos governos Trump e Bolsonaro

Sem qualquer política de incentivo à produção e ao comércio de veículos elétricos, o Brasil está se tornando obsoleto em um mercado que saltou de apenas 17 mil unidades em 2010 para mais de 7 milhões e 200 mil em 2019. O setor prospera especialmente na Europa, motivado pelo combate ao aquecimento global, evidência científica desprezada pelos governos Trump e Bolsonaro. A China também avança nos carros elétricos, com redução de 50% nas emissões de gases do efeito estufa entre 2012 e 2018. Até Colômbia e Chile, tradicionais importadores de veículos brasileiros, estão na nossa frente, com expansão acelerada de frotas de ônibus elétricos comprados na Europa.

Essa defasagem tecnológica contribuiu para o fechamento temporário ou definitivo de 29 das 58 fábricas de veículos instaladas no Brasil e já incomoda indústria e políticos. A inquietação chegou à Consultoria Legislativa do Senado, que vislumbra um atraso irreparável ao País.
Segundo consultores e pesquisadores da Unicamp reunidos no Laboratório de Estudo do Veículo Elétrico, o desinteresse do governo brasileiro pelas novas tecnologias obriga a indústria a operar plataformas destinadas à produção de motores poluentes que tendem a se tornar cada vez mais raros no Planeta. Enquanto isso, o mundo já vive outra realidade, com tecnologias mais eficientes como os carros híbridos e à bateria. E esse atraso conceitual isola o Brasil e poderá acarretar o fechamento de novas fábricas (como já fizeram Ford e Mercedes), além de provocar perda acelerada de postos de trabalho nos próximos anos e redução na arrecadação de impostos.
Além dos impactos econômicos motivados pela incapacidade do ministro da Ciência e Tecnologia, o astronauta Marcos Pontes, em propor políticas de incentivo ao setor, a insistência nos motores movidos a gasolina e diesel também faz mal à saúde. Conforme estudo divulgado em fevereiro pelas universidades de Harvard e de Leicester e pelo London College, uma em cada cinco mortes no Planeta em 2018 foi causada por gases produzidos com a queima de combustíveis fósseis. Isso significa que mais de oito milhões de pessoas morreram por exposição a esses poluentes, que também provocam aquecimento global.

Espetáculo da vindima e...
O espetáculo da vindima 2021 acaba de ser concluído nas 26 regiões produtoras de uvas espalhadas por dez estados brasileiros. E, segundo especialistas da Associação Brasileira de Enologia, a safra foi excelente, tanto em quantidade quanto em qualidade.

...a safra dos bons vinhos
O destaque foram as uvas Chardonnay e Pinot Noir, base para vinhos brancos e espumantes. Nas serras gaúcha e catarinense houve frio e umidade na medida certa nas fases de brotação e frutificação das videiras.

Filosofia do campo:
“Não são as notícias que fazem o jornal, mas o jornal é que faz as notícias; e saber juntar quatro notícias diferentes significa propor ao leitor uma quinta notícia”, Umberto Eco (1932/2016), filósofo italiano.

Comentários

Tops da Gazeta