últimas notícias
Em destaque
Resumo da semana das notícias mais quentes da cidade de São Paulo com Pedro Nastri, jornalista e apresentador da Rádio Trianon.
[email protected]
Aplicativos de entregam que atuam na cidade de São Paulo
Aplicativos de entregam que atuam na cidade de São Paulo

Coluna do Nastri: Prefeitura inicia parceria com apps de entrega

Empresas se comprometeram a enviar conteúdos sobre segurança viária e respeito às leis de trânsito para todos os que atuam em suas plataformas

A Prefeitura de São Paulo iniciou uma parceria de cooperação técnica com diversas empresas que realizam entregas e transporte por aplicativo. Com o acordo, iFood, Uber Eats, Loggi, Tembici e Americanas se comprometeram a enviar conteúdos sobre segurança viária e respeito às leis de trânsito para todos os que atuam em suas plataformas. O objetivo é conscientizar entregadores, especialmente que usam motocicleta ou bicicleta, para que fiquem atentos à sinalização e nunca excedam os limites de velocidade, reduzindo assim o número de mortes e lesões graves. Outras empresas ainda poderão aderir ao termo por meio do edital de chamamento 02/Secretaria Municipal de Transportes/2021.

Multas de trânsito

A quantidade de multas aplicadas a motoristas da cidade de São Paulo por excesso de velocidade apresentou aumento significativo em de abril do ano passado, o primeiro mês completo após a decretação da quarentena em todo o estado devido à pandemia do novo coronavírus, no dia 24 de março de 2020. Foram 486.866, quantidade 14,7% superior ao mês de março de 2020, que registrou 424.180 mil infrações desse tipo. Se comparado com abril 2019, o salto é ainda maior: de 57,6%, já que foram aplicadas 310.826 multas a motoristas que não respeitaram a velocidade máxima permitida.

Endividamento familiar

Mais da metade das famílias da cidade de São Paulo está endividada, segundo pesquisa da Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado de São Paulo (FecomercioSP). Conforme o levantamento, conseguir pagar a fatura do cartão de crédito é o maior desafio dos consumidores paulistanos. O estudo mostra que seis a cada dez famílias acumulam dívidas, que não param de crescer na pandemia de Covid-19. O percentual de endividamento em maio é de 62,7% na cidade. Desde novembro de 2020, quando o índice era de 56%, o endividamento não para de crescer segundo a entidade. Já são quase 2,5 milhões de famílias com dívidas apenas na cidade de São Paulo. Desde novembro, foram mais 270 mil novos lares paulistanos endividados.

Ação climática

O de São Paulo, Ricardo Nunes, lançou o Plano de Ação Climática do Município de São Paulo (PlanClima SP). Desenvolvido em parceria com a rede internacional de cidades C40, o plano pretende neutralizar as emissões de gases de efeito estufa na capital paulista até 2050. A C40 reúne megacidades de diferentes partes do mundo que estão comprometidas a enfrentar a mudança do clima. O objetivo dessa rede é incentivar a cooperação internacional entre as grandes cidades do mundo e apoiá-las na adoção de medidas climáticas ambiciosas, tornando o mundo mais sustentável e saudável. São Paulo aderiu ao compromisso Prazo 2020 - Carta Compromisso do Acordo de Paris, proposta pela C40, em 2018. O plano foi então elaborado e aprovado pela rede em dezembro do ano passado. Somente hoje, entretanto, ele foi apresentado para a população paulistana.

Comentários

Tops da Gazeta