últimas notícias

Esportes

Os jogadores do Inter, entre eles Boschilia, haviam voltado aos treinos na semana passada
Os jogadores do Inter, entre eles Boschilia, haviam voltado aos treinos na semana passada
Foto: Ricardo Duarte/Internacional

Grêmio e Inter suspendem treinos após decreto do governo gaúcho

Os clubes haviam retomado os trabalhos no início da semana passada seguindo um protocolo de cuidados para o retorno às atividades

Após o anúncio, feito no último sábado (9) pelo governo do Rio Grande do Sul, que proíbe o funcionamento de clubes esportivos em Porto Alegre, Grêmio e Internacional cancelaram seus treinos programados para esta segunda-feira (11).

Os rivais haviam retomado os trabalhos no início da semana passada seguindo um protocolo de cuidados para o retorno às atividades, com medidas como a medição da temperatura dos atletas e a testagem do elenco para identificar possíveis casos de Covid-19, além do uso de máscaras nas dependências do centro de treinamento do clube.

O decreto do governador Eduardo Leite, porém, forçou a interrupção dos planos da dupla Gre-Nal.

As diretorias de Grêmio e Inter se reunirão nesta segunda para rediscutir o planejamento de treinos.

O governo do Rio Grande do Sul dividiu o estado em 20 regiões de observação. Cada região é identificada com uma bandeira colorida, que determinada o nível de atenção e as medidas a serem tomadas para tentar controlar a pandemia do novo coronavírus.

No caso de Porto Alegre, a capital recebeu "bandeira laranja", que significa risco médio na escala estabelecida pelas autoridades gaúchas. A cor determina, por exemplo, o fechamento temporário de clubes esportivos.

"O decreto é sobre funcionamento do clube esportivo, e o funcionamento estará vedado nestas condições. Na bandeira laranja, a determinação é que se suspenda as atividades em clubes esportivos. Só podendo funcionar na bandeira amarela, o que deverá acarretar a suspensão das atividades dos treinos nos clubes esportivos", disse o governador Eduardo Leite, no sábado.

Com base nos dados do Ministério da Saúde, o Rio Grande do Sul tinha até a tarde deste domingo (10) 2.542 casos confirmados de Covid-19, com 97 mortes.

Comentários

Tops da Gazeta