últimas notícias

Estudante poderá ter três dependências

Um aluno reprovado em até três disciplinas em São Paulo poderá passar de ano com a sua turma e cursá-las no ano seguinte concomitantemente à sua nova série, inclusive de forma online.

A possibilidade está prevista em um documento aprovado pelo Conselho Estadual de Educação (CEE) e prestes a ser homologado pela gestão João Doria (PSDB).

O texto, chamado de indicação, traz orientações válidas tanto para escolas públicas como para as privadas.

O objetivo, diz a conselheira Rosângela Chede, uma de suas autoras, é reduzir o número de crianças e jovens com atraso escolar no estado. A chamada defasagem idade- série é apontada por pesquisas como uma causa importante de evasão escolar e de baixo desempenho. Segundo dados compilados pelo Unicef (braço das Nações Unidas para a infância), 13% dos jovens paulistas no ensino médio têm pelo menos dois anos a mais que o esperado para a sua série. O mesmo acontece com 11% dos alunos dos anos finais do ensino fundamental (6º a 9º ano). Para reduzir esses números, o documento, elaborado pelo conselho a pedido da Secretaria da Educação, indica uma série de caminhos alternativos à trajetória escolar tradicional.

Todos, afirma a conselheira, já estão em consonância com a atual legislação educacional do País, mas ainda são pouco aplicados nas escolas. O objetivo é agora incentivar e explicar de que forma isso pode ser feito, dando respaldo formal aos colégios que quiserem adotar as alternativas. (FP)

Tops da Gazeta