últimas notícias
Carlos Roberto foi morto enquanto dormia no bairro da Mooca, na zona leste da capital
Carlos Roberto foi morto enquanto dormia no bairro da Mooca, na zona leste da capital
Foto: Reprodução

Preso pode não ter matado morador de rua em SP

Flausino Cândido havia sido preso e teria assumido ter matado Carlos Roberto. Os depoimentos das testemunhas, porém, indicam que sua aparência não batem com a do homem visto antes do crime

Dois depoimentos colhidos pela Ouvidoria das polícias põem em dúvida a possibilidade de que o morador de rua Flausino Cândido Filho ateou fogo e matou o catador de lixo Carlos Roberto Vieira da Silva, que dormia na Mooca, na zona leste da Capital.

Flausino havia sido preso pela Polícia Civil no último dia 8 e teria assumido ter matado Carlos Roberto. Os depoimentos das testemunhas, porém, indicam que sua aparência não batem com a do homem visto pouco antes do crime.

Outro ponto destacado é que Flausino tem dificuldades de locomoção, e o homem que praticou o crime aparece correndo em imagens de uma câmera de segurança. A Ouvidoria pediu que esses depoimentos sejam anexados à investigação.

Tops da Gazeta