últimas notícias
Prefeito Luiz Maurício destacou confiar na representatividade dos parlamentares e enalteceu os servidores municipais e sua equipe de governo
Prefeito Luiz Maurício destacou confiar na representatividade dos parlamentares e enalteceu os servidores municipais e sua equipe de governo
Foto: Luiz Pinheiro/PMP

Peruíbe: Luiz Mauricio é empossado

A cerimônia de posse foi presidida pelo vereador Alexandre Tamer Júnior e começou às 10h07, com os hinos Nacional e do Município, seguidos pelos respectivos juramentos

O reeleito prefeito de Peruíbe, Luiz Mauricio de Carvalho Pereira (PSDB), no litoral de São Paulo, tomou posse às 10 horas, na Câmara de Vereadores, com mais 15 vereadores, e segue comandando a Cidade até 2024, com o vice André Luiz de Paula), do DEM.

A cerimônia de posse foi presidida pelo vereador Alexandre Tamer Júnior e começou às 10h07, com os hinos Nacional e do Município, seguidos pelos respectivos juramentos de respeito às constituições (Estadual e Federal) e às leis municipais dos vereadores e prefeito eleitos, com as consequentes assinaturas dos termos de posse para a 15ª Legislatura Municipal. O prefeito Luiz Maurício e o vice André de Paula fizeram o mesmo às 10h42.

Às 10h47, o presidente da solenidade, vereador Alexandre Tamer Júnior, enfatizou que a palavra de ordem será trabalho e que os vereadores devem legislar para todos e não só para seus eleitores. “Fomos eleitos para sermos a voz e representar a vontade popular”, finalizou, passando a palavra para o vice prefeito André de Paula.

Vale lembrar que vereadores são responsáveis por elaborar e propor leis. Podem decidir, por exemplo, sobre a criação de políticas públicas. Têm a obrigação de fiscalizar o uso do dinheiro pelo Executivo e analisar a Lei Orçamentária Anual (LOA), que estabelece as despesas do ano seguinte do município. Há a possibilidade de vereadores deixarem os cargos para assumir funções na Prefeitura. Quando isso acontece, o cargo é assumido por um suplente.

PREFEITO.
O prefeito Luiz Maurício discursou às 10h55. Ele disse confiar na representatividade dos parlamentares e enalteceu os servidores municipais e sua equipe de governo. “Nós vivemos o resultado de um movimento histórico na cidade. Não só por ser a primeira reeleição do município. Mas porque vencemos as agressões, as fake news e uma cultura do ódio que infelizmente está instalada em várias partes do País e do Mundo. E as vencemos com a verdade, com a honestidade e com a responsabilidade. É sim possível fazer política sem ódio e sem mentiras. É sim possível fazer política com ética e com honra”, disse.

O prefeito reeleito disse que o universo conspira a favor de quem não conspira contra ninguém e que a política exige respeito diálogo, paciência, concessões mútuas e a compreensão do outro. “Somos diferentes e pensamos diferentes. Sintetizar e harmonizar os interesses é um dos maiores desafios diários. Respeitar o papel de cada um dos poderes e os que se posicionam de forma diferente.

Nunca pedi para ninguém abandonar suas convicções. Mas que olhemos para o que nos une e não para o que nos separa. Concentremos nos debates que nos colocaram aqui. Se fizermos isso com verdade transparência, continuaremos uma cidade de todos. Temos só uma causa. E ela se chama Peruíbe”.

Por fim, garantiu que colocou a Cidade em ordem, “pagamos dívidas, vencemos crises, fizemos obras importantes estruturais. E agora a gente inicia um novo ciclo. O foco, a diretriz, o pilar principal será o desenvolvimento social e econômico da nossa cidade. Que cuida da sua gente, combate desigualdades e gera oportunidades. Isso que vamos tratar e focar a partir de hoje no município de Peruíbe”, garantiu.

Luiz Maurício pediu um bom debate entre Executivo e Legislativo e disse que a causa deve ser Peruíbe. “Recuperamos a credibilidade do Município e agora pretendo continuar administrando com honestidade, seriedade e responsabilidade. Nosso grande objetivo e entregar uma cidade ainda melhor, com menos desigualdade social e mais desenvolvimento”, disse, citando, resumidamente, obras e conquistas dos últimos quatro anos.

Vale lembrar que cabe ao prefeito decidir onde aplicar os recursos repassados ao município pelo Estado ou pelo Governo federal e como administrar o que é arrecadado de impostos, como IPTU e ISS. Ele também é responsável pelas políticas de áreas como educação, saúde, moradia, transporte público e saneamento básico. Para isso, conta com secretários nomeados.

Ao final, foi eleita a nova Mesa Diretora da Câmara para o Biênio 2021/22, formada por Rafael Vitor de Souza (presidente); Paulo Carlos de Oliveira Júnior (vice-presidente); Rodrigo Silva Pereira (2º vice); Gabriel dos Reis (1º secretário) e Ivan Martins Colares (2º secretário).


Comentários

Tops da Gazeta