últimas notícias
João Doria solicitou ao Comitê Científico do governo do Estado 
uma nova avaliação sobre a necessidade do uso de máscaras
João Doria solicitou ao Comitê Científico do governo do Estado uma nova avaliação sobre a necessidade do uso de máscaras
Foto: Divulgação/Governo de SP

Uso obrigatório de máscara pode ser mantido em SP mesmo após o dia 11, diz Doria

O governador planejava tornar flexível o uso do equipamento a partir do mês que vem, mas solicitou novo estudo científico devido casos da variante ômicron no Estado

O governador de São Paulo, João Doria, solicitou ao Comitê Científico do Governo do Estado uma nova avaliação sobre a necessidade do uso de máscaras em ambientes abertos, após a confirmação de dois casos em São Paulo (um casal vindo da África) com a variante Ômicron do coronavírus.

O parecer deve ficar pronto na próxima semana, após reunião do grupo formado por médicos. No último dia 24, o governo de São Paulo anunciou a flexibilização do uso de máscaras em áreas abertas, a partir de 11 de dezembro.

“O nosso parâmetro sempre foi o cenário epidemiológico em São Paulo. E, por isso, precisamos saber o impacto da nova variante com a flexibilização do uso de máscaras em espaços abertos. É necessário ter cautela e avaliar esse novo elemento”, disse Doria.

A flexibilização do uso de máscaras em espaços abertos foi anunciada após orientação do Comitê Científico do Estado e em dados positivos de avanço da vacinação e do cenário epidemiológico. O uso das máscaras continuará obrigatório em ambientes fechados e no transporte público.

Comentários

Tops da Gazeta