X

LITORAL PAULISTA

Após morte de PM, outro agente é alvejado em novo capítulo da Operação Escudo

Segundo o secretário, os criminosos foram neutralizados pelas equipes atuantes na operação

Da Reportagem

Publicado em 03/02/2024 às 17:02

Comentar:

Compartilhe:

A-

A+

O gestor da pasta informou que a instituição fará de tudo para encontrar os responsáveis pela morte de Samuel / Reprodução/Redes Sociais

Outro policial militar foi alvejado durante a nova fase da Operação Escudo, na Baixada Santista, iniciada após a morte do agente da Rota Samuel Wesley Cosmo, na noite da última sexta-feira (2). Apesar de garantir que os ferimentos na nova vítima foram leves, Guilherme Derrite, Secretário de Segurança Pública de São Paulo, não revelou detalhes sobre os locais do confronto. 

Faça parte do grupo da Gazeta no WhatsApp e Telegram.
Mantenha-se bem informado.

Segundo o secretário, os criminosos foram neutralizados pelas equipes atuantes na Operação. 

Por fim, o gestor da pasta informou que a instituição fará de tudo para encontrar os responsáveis pela morte de Samuel. Morto aos 35 anos de idade, o agente deixou duas filhas bebês e atuava há mais de uma década na Polícia Militar.

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

Leilão de veículos

Detran-SP realiza leilão online com lances a partir de R$ 2 mil

Carros conservados e sucatas disponíveis; visite e faça seu pré-lance em julho

Licitação

Prefeitura de Capivari abre licitação de R$ 807 mil para recapear ruas

Obras serão destinadas às ruas Vitório Gatti e Américo Forti, no bairro Porto Alegre; prazo de entrega da obra é de até 3 meses

©2021 Gazeta de São Paulo. Todos os Direitos Reservados.

Layout

Software

Newsletter