Publicidade

X

BAIXADA SANTISTA

Baleia morta aparece em praia de São Vicente; a segunda em dez dias na Região

Carcaça do mamífero foi avistada inicialmente por banhistas

Da Reportagem

Publicado em 15/10/2022 às 15:40

Comentar:

Compartilhe:

A-

A+

Publicidade

O animal foi avistado por banhistas antes do meio-dia, que acionaram as autoridades / DRONE.RRV / REPRODUÇÃO / INSTAGRAM

Mais uma baleia apareceu morta na Baixada Santista. Desta vez, a carcaça de um mamífero foi encontrada na praia do Itararé, em São Vicente, no final da manhã deste sábado (15). Já é o segundo caso em dez dias.

O animal foi avistado por banhistas antes do meio-dia, que acionaram as autoridades. Este é a segunda carcaça de baleia que encalha em uma praia da Região em dez dias. No último dia 5, uma baleia, que também estava em avançado estado de decomposição, foi encontrada na praia da Enseada.

Em nota, a Prefeitura de São Vicente, por meio da Secretaria de Bem Estar Animal (Sebem), afirma que entrou em contato com o Instituto Gremar para averiguar a aparição de uma baleia morta na Praia do Itararé na manhã deste sábado (15). O animal já foi retirado pela prefeitura após uma autópsia realizada pelo Instituto e será levado para o descarte adequado.

Vale lembrar que todos os anos, entre junho e novembro, a costa brasileira registra a temporada de baleias. Em São Paulo, o Litoral Norte se consolidou como um dos grandes pontos de observação de cetáceos, que chegam em águas brasileiras para se reproduzir e ter seus filhotes.

Bertioga, Caraguatatuba, Ilhabela, São Sebastião e Ubatuba, vem registrando números recordes de avistagens de baleias e cetáceos – que também incluem golfinhos e botos. Segundo dados do Projeto Baleia à Vista, na temporada de 2021, mais de 300 baleias passaram pelas águas da região.

Apoie a Gazeta de S. Paulo
A sua ajuda é fundamental para nós da Gazeta de S. Paulo. Por meio do seu apoio conseguiremos elaborar mais reportagens investigativas e produzir matérias especiais mais aprofundadas.

O jornalismo independente e investigativo é o alicerce de uma sociedade mais justa. Nós da Gazeta de S. Paulo temos esse compromisso com você, leitor, mantendo nossas notícias e plataformas acessíveis a todos de forma gratuita. Acreditamos que todo cidadão tem o direito a informações verdadeiras para se manter atualizado no mundo em que vivemos.

Para a Gazeta de S. Paulo continuar esse trabalho vital, contamos com a generosidade daqueles que têm a capacidade de contribuir. Se você puder, ajude-nos com uma doação mensal ou única, a partir de apenas R$ 5. Leva menos de um minuto para você mostrar o seu apoio.

Obrigado por fazer parte do nosso compromisso com o jornalismo verdadeiro.

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

EM MARÇO

Venda de carros 100% elétricos teve aumento de 973% em relação ao ano passado

Os híbridos venderam 7.411 exemplares em março, com aumento de 9,5% em relação a fevereiro deste ano e de 37,4% em comparação a março de 2023

ECONOMIA

O que é o arcabouço fiscal e por que ele é tão importante?

Sistema veio em substituição ao regime de teto de gastos, vigente desde o governo Temer até o fim de 2022

©2021 Gazeta de São Paulo. Todos os Direitos Reservados.

Layout

Software

Newsletter