X

Estado

Governo de SP anuncia início das obras para construção de 574 moradias em Santos

Governador Tarcísio de Freitas também entregou 189 títulos de propriedade a moradores do município

Da Reportagem

Publicado em 26/01/2023 às 14:57

Atualizado em 26/01/2023 às 15:00

Comentar:

Compartilhe:

A-

A+

Publicidade

Tarcísio anunciou a construção de 574 unidades habitacionais no Conjunto Santos-AB Prainha II / Fernanda Luz/Governo do Estado de SP

O governador Tarcísio de Freitas anunciou nesta quinta-feira (26), em Santos, o início das obras para construção de 574 unidades habitacionais no Conjunto Santos-AB Prainha II, destinado a famílias realocadas de palafitas e locais alagáveis. Com investimento de R$ 105 milhões, as obras serão realizadas pela Companhia de Desenvolvimento Habitacional e Urbano (CDHU), da Secretaria de Desenvolvimento Urbano e Habitação, por meio do Programa Vida Digna.

Na ocasião, Tarcísio entregou ainda 189 títulos de propriedade a moradores de três loteamentos da cidade, pelo Programa Cidade Legal. Os imóveis regularizados fazem parte da Vila Pelé I, Vila Pelé II e Núcleo Santa Maria. O evento ocorreu no mesmo dia em que a cidade de Santos completou 477 anos.

“Estamos aqui iniciando as obras de 574 moradias. Hoje, nós temos em construção no Estado mais de 40 mil unidades habitacionais. O programa de habitação é prioridade do Governo de São Paulo”, disse Tarcísio de Freitas.

O novo empreendimento Conjunto Santos-AB Prainha II será formado por prédios de quatro andares, com apartamentos de 44,15m² a 49,08m² de área útil. Cada unidade contará com dois dormitórios, sala, cozinha, banheiro e área de serviço. O conjunto também terá área de lazer e estacionamento.

“É um projeto integrado, que inclui a recuperação ambiental e a eliminação das áreas de risco, porque estamos tirando as pessoas das palafitas. O trecho todo atrás desse conjunto habitacional é uma área de recuperação ambiental, de extrema importância para a região e agora está alinhada com um grande projeto de construção de habitações populares. As pessoas terão onde morar de forma digna, fora de áreas de risco e em harmonia com a proteção do meio ambiente", afirmou o secretário de Desenvolvimento Urbano e Habitação, Marcelo Branco.

Títulos de propriedade

Durante o evento, foram entregues 84 títulos de propriedade a famílias do Vila Pelé I. Os documentos garantem aos moradores os direitos legais sobre os imóveis. Foram entregues ainda oito títulos a moradores da Vila Pelé II e 97 títulos ao núcleo Santa Maria das glebas 1 e 2 – Pantanal de Cima, totalizando 189 documentos.

O Programa Cidade Legal apoia tecnicamente todo o processo legal e burocrático para regularização fundiária, com abertura da matrícula dos imóveis e a emissão dos títulos de propriedade dos loteamentos, por meio de consultoria da equipe técnica especializada da Secretaria de Desenvolvimento Urbano e Habitação do Estado de São Paulo.

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

Gastronomia

Veja os 15 melhores queijos do mundo; 11 são brasileiros

Pela terceira edição do Mundial do Queijo, 11 dos 15 queijos finalistas, são queijos feitos por empresas brasileiras; confira

Centenário das feiras

São Paulo tem feira de rua centenária; conheça a história desde o surgimento

Veja o que a Gazeta preparou para entender um pouco mais sobre a história da cidade de São Paulo

©2021 Gazeta de São Paulo. Todos os Direitos Reservados.

Layout

Software

Newsletter