Publicidade

X

Privatização

Governo de SP contrata consultoria sem licitação por privatizações da Sabesp e CPTM

Somente para o serviço relativo à empresa de transporte, o estado irá pagar R$ 71.291.893,17, em acordo com validade por dois anos

CARLOS PETROCILO - Folhapress

Publicado em 15/04/2023 às 09:28

Atualizado em 15/04/2023 às 09:39

Comentar:

Compartilhe:

A-

A+

Publicidade

Os dois estudos de privatizações, da Sabesp e das linhas da CPTM, já haviam sido anunciados por Tarcísio na segunda (10) / Reprodução/CPTM

O Governo de São Paulo assinou dois contratos com inexigibilidade de licitação com a International Finance Corporation (IFC), agência vinculada ao Banco Mundial, em troca de serviços de assessoria e consultoria para preparar a privatização da Sabesp e concessão de linhas de trens da CPTM.

Somente para o serviço relativo à empresa de transporte, o estado irá pagar R$ 71.291.893,17, em acordo com validade por dois anos e possibilidade de ser renovado por igual período, como mostrou a coluna Painel S.A., da Folha de S.Paulo. O extrato do termo de contrato foi publicado no Diário Oficial desta quinta-feira (13).

No caso da Sabesp, a gestão Tarcísio de Freitas (Republicanos) não informou qual o valor do contrato válido para o projeto Sabesp.

Em nota, a assessoria de imprensa da Secretaria de Parcerias em Investimentos afirma que a IFC tem "atuação reconhecida no setor de modelagem de parcerias do setor público com o setor privado em diversos países e com vasta experiência na estruturação de empreendimento de infraestrutura de grande porte".

Em fato relevante publicado, a Sabesp disse apenas que houve dispensa de licitação para contratação do serviço especializado.

Os dois estudos de privatizações, da Sabesp e das linhas da CPTM, já haviam sido anunciados por Tarcísio na segunda (10), durante o balanço dos 100 dias de governo.

Apoie a Gazeta de S. Paulo
A sua ajuda é fundamental para nós da Gazeta de S. Paulo. Por meio do seu apoio conseguiremos elaborar mais reportagens investigativas e produzir matérias especiais mais aprofundadas.

O jornalismo independente e investigativo é o alicerce de uma sociedade mais justa. Nós da Gazeta de S. Paulo temos esse compromisso com você, leitor, mantendo nossas notícias e plataformas acessíveis a todos de forma gratuita. Acreditamos que todo cidadão tem o direito a informações verdadeiras para se manter atualizado no mundo em que vivemos.

Para a Gazeta de S. Paulo continuar esse trabalho vital, contamos com a generosidade daqueles que têm a capacidade de contribuir. Se você puder, ajude-nos com uma doação mensal ou única, a partir de apenas R$ 5. Leva menos de um minuto para você mostrar o seu apoio.

Obrigado por fazer parte do nosso compromisso com o jornalismo verdadeiro.

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

Mundo

Pesquisa afirma que Trump tem 48% das intenções de voto nos EUA

Os resultados mostram que 48% dos entrevistados afirmaram que votariam em Trump

Esportes

Agora é oficial! Palmeiras recebe documento que garante título mundial

A entidade internacional indicou o título da Copa Rio conquistado em 1951 como a primeira versão do tradicional torneio de clubes

©2021 Gazeta de São Paulo. Todos os Direitos Reservados.

Layout

Software

Newsletter