X

PRESIDENTE DA CÂMARA DE SP

Milton Leite: 'Kim é meu amigo, mas aliança com Nunes deve prevalecer'

Presidente da Câmara de SP fala de Kim Kataguiri e disputa com PL, mas desconversa sobre Corinthians

Bruno Hoffmann

Publicado em 11/06/2024 às 15:31

Atualizado em 11/06/2024 às 15:45

Comentar:

Compartilhe:

A-

A+

Milton Leite, presidente da Câmara de SP, durante coletiva de imprensa / Bruno Hoffmann

O presidente da Câmara Municipal de São Paulo, Milton Leite (União Brasil), revelou nesta terça-feira (11/6) que segue com a pretensão de ser vice de Ricardo Nunes (MDB) nas eleições municipais deste ano. O desejo se choca com o do deputado Kim Kataguiri (União Brasil), que quer lançar o próprio nome na disputa municipal.

“O deputado Kim é meu amigo, grande parceiro e não deixa o União, independentemente do resultado”, afirmou Milton. “Lógico que se ele chegar com 40% [das intenções de voto], não sou eu direi que ele não é candidato. Mas com essa situação posta me parece que a união com Ricardo Nunes vai prevalecer na convenção”, completou.

O vereador, que também é presidente do diretório municipal do União Brasil na Capital, explicou que tanto ele quanto outros nomes da sigla podem pleitear ser vice de Nunes.

Entre as personalidades citadas estão a ativista Luisa Mell, a pastora Sandra Salves e os vereadores Rubinho Nunes e Rinaldi Digilio. “Temos todos os perfis, e sou mais um que está lá”, afirmou.

Disputa com PL

Milton Leite também respondeu sobre a chance do PL, partido do ex-presidente Jair Bolsonaro, indicar o vice de Nunes – esta é a possibilidade considerada a mais provável neste momento nos bastidores da política paulistana.

“Não sei se o PL estará com Ricardo Nunes, mas o União Brasil estará”, disse ele, que afirmou que os nomes propostos pela sigla “estão colocadas para a opinião pública”, sem revelar se quis dizer que as lideranças do PL são discutidas apenas de forma  interna.

Ele também revelou que uma série de pré-candidatos vem falar com ele para buscar o apoio da legenda na Capital.

“Estamos alinhados com Ricardo Nunes. Não vou mencionar nomes, mas [lideranças políticas] de A a Z me procuram. Só neste fim de semana tive de livrar que candidatos que queriam conversar comigo”, completou.

Crise no Corinthians

O presidente da Câmara de São Paulo convocou uma coletiva de imprensa na tarde desta terça para falar de ajustes na Lei de Zoneamento da cidade e da economia propaganda durante sua gestão à frente da Casa. Segundo ele, a Casa economizou R$ 1 bilhão durante a sua gestão.

Ele só evitou comentar a crise do Corinthians – Milton foi candidato a vice derrotado nas últimas eleições do clube, no fim do ano passado. “Isso você precisa perguntar o Augusto”, respondeu, entre sorrisos, em referência ao presidente corintiano Augusto Melo.

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

Futebol internacional e nacional

Confira agenda de jogos desta segunda-feira no futebol

Seleção brasileira estreia na Copa América contra a Costa Rica; confira também os confrontos da Eurocopa, Campeonato Brasileiro e Copa Paulista, e onde assistir ao vivo

Oportunidade

Prefeitura de Jundiaí abre 70 vagas de emprego esta terça-feira

Remuneração varia de acordo com o cargo oferecido, podendo ser de R$ 1.412 a R$ 1.901

©2021 Gazeta de São Paulo. Todos os Direitos Reservados.

Layout

Software

Newsletter