Publicidade

X
SAÚDE

MP-SP vai investigar planos de saúde que se negaram a oferecer terapia on-line

Inquérito vai averiguar os motivos para planos não terem atendido remotamente pessoas com deficiência durante a pandemia

Publicidade

Sâmia Bomfim é deputada federal pelo PSOL / /Reprodução/YouTube

O Ministério Público de São Paulo (MP-SP) vai investigar os motivos de alguns planos de saúde não oferecerem terapias on-line durante a pandemia da Covid-19, principalmente a crianças e adolescentes com deficiência. A investigação foi instaurada após uma ação da deputada federal Sâmia Bomfim (PSOL-SP) e da jornalista Andréa Werner.

“É absurdo que justo nesse momento de pandemia os planos de saúde se neguem a prestar assistência remota aos seus clientes. Queremos que o Ministério Público atue para impedir que esse desrespeito com as pessoas com deficiência permaneça acontecendo”, afirma Sâmia.

Leia mais:

Projeto inclui a cobertura de atendimento domiciliar por planos de saúde

De acordo com a deputada federal, serão investigadas a Ameplan Assistência Médica Planejada (São Paulo), a Amil (São Paulo e Mogi Das Cruzes), Med-Tour Saúde, Notredame, Porto Seguro Companhia De Seguros, Unimed Monte Alto, Unimed Santos, Unimed Ribeirão Preto e Unimed Cajati, Savisa (São José Do Rio Pardo) e São Francisco (Porto Ferreira).

Sâmia e Andréa Werner acionaram o MP em maio de 2020 após receberem denúncias de pais de crianças e adolescentes com deficiência sobre convênios que se negaram a oferecer atendimento remoto, alegando que o serviço não está previsto em contrato.

Deixe a sua opinião

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

Inclusão

TRF suspende liminar que obrigava IBGE a incluir orientação sexual no Censo

Instituto argumenta que não teria tempo hábil nem orçamento suficiente para fazer o acréscimo das perguntas de forma adequada no levantamento

CPI do MEC

Suspeita de interferência de Bolsonaro aumenta pressão por CPI do MEC

A oposição no Senado ainda tenta engrossar com ao menos mais dois nomes o requerimento para criação de uma CPI do MEC

©2021 Gazeta de São Paulo. Todos os Direitos Reservados.

Layout

Software