X

Estado

Polícia prende mulheres especializadas em furto de celulares em SP

A ação ocorreu poucas horas antes do início da folia oficial na cidade

Folhapress

Publicado em 12/02/2023 às 10:05

Comentar:

Compartilhe:

A-

A+

Publicidade

Marcelo Camargo/Agência Brasil

A Polícia Civil prendeu cinco mulheres suspeitas de integrar uma quadrilha especializada em furtar telefones celulares em eventos fechados e locais de grande aglomeração. Com elas, foram localizados 61 aparelhos.

O grupo foi preso na madrugada deste sábado (11) durante uma festa de pré-Carnaval no estádio do Canindé, na região central de São Paulo.

A ação ocorreu poucas horas antes do início da folia oficial na cidade, uma vez que os primeiros blocos cadastrados pela prefeitura desfilaram já na manhã deste sábado.

O delegado responsável pela ação, Percival Alcântara, do 5° DP (Aclimação), afirmou que as suspeitas agiriam na folia de rua. "O Carnaval é um prato cheio, com aglomeração, bebidas, distração, muita muvuca, barulho."

As mulheres foram localizadas por policiais civis infiltrados no evento.

O quinteto foi indiciado por associação criminosa e furto qualificado.

Neste sábado, durante o Carnaval de rua, a Polícia Militar deteve ao menos quatro pessoas. Três delas foram detidas durante a passagem de um bloco pela praça do Patriarca, no centro. Um celular iPhone 13 foi recuperado.

Também durante o cortejo de um bloco, um homem, que estava com cinco celulares, foi preso na avenida Henrique Schaumann, em Pinheiros, zona oeste da capital.

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

Gastronomia

Veja os 15 melhores queijos do mundo; 11 são brasileiros

Pela terceira edição do Mundial do Queijo, 11 dos 15 queijos finalistas, são queijos feitos por empresas brasileiras; confira

Centenário das feiras

São Paulo tem feira de rua centenária; conheça a história desde o surgimento

Veja o que a Gazeta preparou para entender um pouco mais sobre a história da cidade de São Paulo

©2021 Gazeta de São Paulo. Todos os Direitos Reservados.

Layout

Software

Newsletter