X

Estado

Polícia recupera 7 toneladas de açúcar, 9 de grãos e prende quatro homens em Cubatão

O quarteto é suspeito de estar envolvido em crime de receptação e de furto de cargas em ferrovia

Da Reportagem

Publicado em 04/02/2023 às 13:48

Atualizado em 04/02/2023 às 13:49

Comentar:

Compartilhe:

A-

A+

Publicidade

No total, foram apreendidos 7000kg (7 toneladas) de açúcar e 9000kg (9 toneladas) entre cereais e grãos / Divulgação/Polícia Civil

Policiais Civis da Delegacia Sede de Cubatão prenderam em flagrante, na tarde desta sexta-feira (3), quatro homens (de 30, 24 e dois de 33 anos), suspeitos de integrarem uma organização criminosa destinada a prática de receptação de cargas furtadas de ferrovias em Cubatão. Eles foram presos no bairro Jardim São Marcos. No total, foram apreendidos 7000kg (7 toneladas) de açúcar e 9000kg (9 toneladas) entre cereais e grãos.

A equipe policial informou que vem realizando investigações a fim de desarticular a organização criminosa destinada a prática de furtos e roubos de produtos transportados por trens nas últimas semanas. Após intensa ação de campo, foram identificados quatro suspeitos responsáveis por transportar e receptar os produtos furtados na região.

Ontem (3), durante as investigações, os policiais civis constataram que os sacos contendo grãos subtraídos dos trens são transportados em veículos particulares, alguns deles pertencentes a locadoras de veículos.

Foi constatado ainda que um veículo Citroen era utilizado para o transporte da carga.

Os investigadores localizaram o veículo trafegando pela Vila Esperança, e verificaram que o mesmo encontrava-se carregado, tendo em vista a suspensão traseira arriada. Eles passaram, então, a observar o carro à distância.

Em dado momento os dois suspeitos desembarcaram do veículo, e passaram a descarregar 15 sacos cheios de soja, quando foi realizada a abordagem.

Constatada que a carga era produto de furto de uma empresa de transporte da região, os dois homens foram presos em flagrante. Em continuação às diligências, a equipe constatou que o local em que foram descarregados os produtos tratava-se de um ponto de encontro de receptação das cargas que eram transportadas e entregues ali, como destino final.

Os investigadores também localizaram nas proximidades dois veículos de transporte das cargas ( um Volkswagen Voyage e uma Kombi), que também eram objeto de investigação.

Outros dois suspeitos foram presos na posse de 30 sacos do mesmo produto no interior da kombi, e o último homem foi preso com diversos grãos de soja no assoalho do seu veículo.

Durante as ações em campo, os policiais localizaram barracos clandestinos de madeira onde foram avistados vários sacos contendo soja, açúcar, farelo de soja, milho e fertilizantes

A perícia compareceu ao local, bem como o representante da empresa vítima, que constatou tratar-se efetivamente da carga furtada. Foram apreendidos 7000kg (7 toneladas) de açúcar e 9000kg (9 toneladas) entre cereais e grãos. Também foram apreendidos os aparelhos de telefone celulares utilizados para prática do crime.

Os suspeitos presos por integrarem organização criminosa e pela prática de receptação de carga foram conduzidos à unidade policial para o registro da ocorrência e posteriormente conduzidos ao sistema penitenciário. As investigações prosseguem.

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

Gastronomia

Veja os 15 melhores queijos do mundo; 11 são brasileiros

Pela terceira edição do Mundial do Queijo, 11 dos 15 queijos finalistas, são queijos feitos por empresas brasileiras; confira

Centenário das feiras

São Paulo tem feira de rua centenária; conheça a história desde o surgimento

Veja o que a Gazeta preparou para entender um pouco mais sobre a história da cidade de São Paulo

©2021 Gazeta de São Paulo. Todos os Direitos Reservados.

Layout

Software

Newsletter