X

EM DIA

Prédio do Corpo de Bombeiros de Taboão da Serra recebe certidão de regularização

Edificação estava irregular junto ao município; regularização foi possível através do programa Minha Casa Legal

DA Reportagem

Publicado em 06/05/2022 às 13:15

Atualizado em 06/05/2022 às 13:23

Comentar:

Compartilhe:

A-

A+

Prefeito Aprígio assina certidão de regularização do prédio do Corpo de Bombeiros de Taboão / Divulgação/PMTS

O prédio do Corpo de Bombeiros de Taboão da Serra recebeu nesta quarta-feira (4) a certidão que regulariza sua instalação na cidade. A regularização do imóvel foi possível através do Programa Minha Casa Legal, utilizado pela prefeitura para conceder a documentação. O prefeito da cidade, Aprígio, esteve no local para fazer a assinatura do documento.

Na ocasião, o chefe da administração municipal destacou a importância do programa. “O Minha Casa Legal, cuja lei sancionamos no final do ano passado, foi criado para permitir que imóveis particulares, próprios municipais e de interesse público sejam regularizados, mesmo que não atendam integralmente ao Código de Obras e ao Plano Diretor. Através dele, pudemos hoje entregar a certidão que regulariza o edifício do Corpo de Bombeiros. Um equipamento tão importante para a segurança e salvamento da nossa população e que estava impedido de obter recursos para melhorias porque a construção do prédio não estava regularizada”, afirmou.

O posto do Corpo de Bombeiros de Taboão da Serra foi inaugurado em 2018 e o terreno foi doado ao Governo do Estado. Porém, a edificação estava irregular junto à prefeitura, o que impedia que a corporação solicitasse recursos para melhorias no local, entre outras situações.

O secretário Nílcio Regueira Dias explicou como se deu o processo de regularização. “A pedido do Tenente Cerqueira e do Capitão Boros, que estiveram em reunião com o prefeito Aprígio para tratar de assuntos de interesse da corporação, a gente ‘startou’ o processo de regularização. O Minha Casa Legal flexibilizou parâmetros e criou procedimentos administrativos ágeis e efetivos para regularizar próprios municipais e de interesse público. A gente se utilizou dessa Lei, dessa flexibilização, para viabilizar a regularização da edificação desse equipamento que é de extrema importância para a cidade e, a pedido da corporação, a gente contou com o apoio da Secretaria de Obras, que fez a documentação técnica necessária para viabilizar a aprovação. Então, no fundo a prefeitura estreitou ainda mais a parceria que já tinha com o Corpo de Bombeiros”, completou.

O Tenente Eduardo Cerqueira ressaltou o quão importe é estar com a edificação regularizada. “Com a regularização, a gente consegue solicitar verbas junto ao Estado para fazer a manutenção do prédio. Até então, legalmente a construção não existia. Nós tínhamos já, da prefeitura, a concessão (doação) do terreno, mas a edificação ‘não existia’, uma vez que não estava regularizada. Então, a gente não conseguia fazer a averbação junto ao cartório. Agora, com essa documentação em mãos, poderemos fazer a averbação junto ao cartório e ficar tudo regularizado”, disse.

 

Minha Casa Legal

Sancionado através da Lei Complementar Nº 375/2021, o programa Minha Casa Legal permite a regularização de imóveis particulares, próprios municipais e edificações de interesse público que não atendem integralmente ao Código de Obras e ao Plano de Diretor e cujas edificações foram construídas até 03/12/2021.

Os munícipes que tenham interesse em regularizar seus imóveis têm até o dia 31 de maio  para dar entrada no processo junto à Central Atende - Unidade Pirajuçara (Estrada Kizaemon Takeuti, 1987) ou Unidade Centro (Rua Elizabetta Lips, 55, Jardim Bontempo). O atendimento é de segunda a sexta-feira, das 8h30 às 16h30.

 

Serviço:
Programa Minha Casa Legal – Até 31/05

ATENDE – Unidade Pirajuçara
Estrada Kizaemon Takeuti, 1987, Pirajuçara
(11)4788-7680
Atendimento: de segunda a sexta-feira, das 8h30 às 16h30

ATENDE – Unidade Centro
Rua Elizabetta Lips, 55, Jardim Bontempo
Telefone: 4788-2922 | 4788-2923
Atendimento: de segunda a sexta-feira, das 8h30 às 16h30

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

Nasceu em julho ou agosto?

Caixa libera abono do PIS/PASEP para trabalhadores nascidos em julho e agosto

Governo deve liberar R$ 4,5 bilhões para os benefícios, sendo R$ 3,9 bilhões para o PIS e R$ 613 milhões para o PASEP

Delação Premiada

Caso Marielle: STF julga esta terça denúncia dos mandantes envolvidos no crime

Ministros vão decidir se os suspeitos se tornarão réus por homicídio e organização criminosa; acusados estão presos desde março

©2021 Gazeta de São Paulo. Todos os Direitos Reservados.

Layout

Software

Newsletter