Publicidade

X

Estado

Projeto pode dar fim a 'flanelinhas' em Santos

Matéria, de autoria do vereador Fabrício Cardoso, quer colocar um basta nas atividades de guardador e lavador de veículos

LG Rodrigues

Publicado em 13/02/2024 às 08:00

Comentar:

Compartilhe:

A-

A+

Publicidade

O texto começou a tramitar na Casa de Leis neste mês e deverá percorrer uma série de comissões antes de voltar ao plenário da Câmara para ser debatido / Nair Bueno/DL

O vereador Fabrício Cardoso (Podemos) apresentou, na Câmara de Santos, na última terça-feira, dia 6 de fevereiro, um Projeto de Lei Complementar que almeja dar fim à atividade dos guardadores e lavadores de veículos, os ‘flanelinhas’, em toda a Cidade de Santos. O texto começou a tramitar na Casa de Leis neste mês e deverá percorrer uma série de comissões antes de voltar ao plenário da Câmara para ser debatido.

Faça parte do grupo do Gazeta no WhatsApp e Telegram.
Mantenha-se bem informado.

Em sua justificativa, Cardoso explica que além do constrangimento eventualmente causado por pessoas que atuam próximo a áreas de estacionamento ao ar livre, em Santos, há, ainda, casos de possível extorsão praticadas pelos mesmos.

“Qualquer um que utilize do automóvel como meio de locomoção já enfrentou, em algum momento, a situação de constrangimento imposta por pessoas que se autodenominam guardadores de veículos, comumente denominados de flanelinhas”.

“A exigência de pagamento antecipado ou mesmo posterior do serviço, frequentemente desagua em verdadeira extorsão da parte daquele que aborda o condutor, e flagrantemente agrava-se ainda mais quando o veículo é conduzido por mulheres”, justifica Fabrício.

O PLC estipula que fica proibido, no município de Santos, o exercício da atividade de guardador e lavador autônomo de veículos nas regiões da orla da praia, no entorno dos parques públicos, atrações turísticas e eventos.

Além disso, o texto completa que caberá aos agentes da Guarda Civil Municipal (GCM) e Companhia de Engenharia de Tráfego (CET) a orientação e a fiscalização, de modo a coibir o exercício ilegal da atividade.

“Tal situação é mais frequentemente vivenciada quando as vítimas tentam estacionar seus veículos em locais de grande aglomeração, como orla da praia, parques públicos, atrações turísticas ou eventos”.

“Diante das inúmeras denúncias que chegam até esta Casa de Leis e à Ouvidoria Municipal, se faz necessária uma ação mais efetiva buscando instrumentalizar os agentes responsáveis pela fiscalização, de ferramentas que lhes permitam coibir tal prática, com uma atuação fiscalizatória intensa que possa dissuadir em um primeiro momento os infratores e, a longo prazo, sedimentar no cotidiano da cidade, a proibição a essa prática que frequentemente desagua em violência quando há a recusa do motorista em aceitar esse tipo de ação”, conclui Fabrício.

O Projeto de Lei Complementar 6/2024 ainda dá seus primeiros passos na tramitação dentro do Legislativo santista e deverá voltar ao plenário apenas nos próximos meses.

Apoie a Gazeta de S. Paulo
A sua ajuda é fundamental para nós da Gazeta de S. Paulo. Por meio do seu apoio conseguiremos elaborar mais reportagens investigativas e produzir matérias especiais mais aprofundadas.

O jornalismo independente e investigativo é o alicerce de uma sociedade mais justa. Nós da Gazeta de S. Paulo temos esse compromisso com você, leitor, mantendo nossas notícias e plataformas acessíveis a todos de forma gratuita. Acreditamos que todo cidadão tem o direito a informações verdadeiras para se manter atualizado no mundo em que vivemos.

Para a Gazeta de S. Paulo continuar esse trabalho vital, contamos com a generosidade daqueles que têm a capacidade de contribuir. Se você puder, ajude-nos com uma doação mensal ou única, a partir de apenas R$ 5. Leva menos de um minuto para você mostrar o seu apoio.

Obrigado por fazer parte do nosso compromisso com o jornalismo verdadeiro.

Deixe a sua opinião

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

Mundo

Senador quer convocar ministro após fala de Lula sobre Israel

Carlos Portinho disse que Lula 'provocou o início do que pode ser uma grave crise diplomática entre Israel e o Brasil'

Esportes

Felipão se irrita com torcedores do Atlético-MG após eles pedirem mudanças no time

Alguns torcedores pediram mais espaço para Alisson Santana, joia do clube

©2021 Gazeta de São Paulo. Todos os Direitos Reservados.

Layout

Software

Newsletter