X

EDUCAÇÃO

SP cria faculdade pública focada em cursos de esportes

Futura faculdade utilizará a infraestrutura da Etec de Esportes, que possui um campus de 72 mil m²

Da Reportagem

Publicado em 31/05/2022 às 12:47

Atualizado em 31/05/2022 às 12:52

Comentar:

Compartilhe:

A-

A+

Anúncio da criação da Fatec de Esportes / Divulgação/Governo de SP

O governo de São Paulo confirmou nesta terça-feira (31) a implantação da Faculdade de Tecnologia do Estado (Fatec) de Esportes, que ficará no mesmo campus da Escola Técnica Estadual (Etec) de Esportes Curt Walter Otto Baumgart, localizada na zona norte da capital. O secretário executivo de Esportes, Jorge Perez, e a diretora-superintendente do Centro Paula Souza (CPS), Laura Laganá, estavam presentes na ocasião.

Sem a necessidade de construção de uma nova sede, os estudantes utilizarão a infraestrutura já existente da Etec de Esportes. As aulas do curso de graduação tecnológica de Gestão Desportiva e de Lazer serão ministradas no período da noite.

Etec de Esportes

O governador Rodrigo Garcia (PSDB) também visitou as instalações da Etec, que iniciou as atividades no primeiro semestre de 2013. Atualmente, a escola conta com 182 alunos matriculados no curso técnico de Organização Esportiva. O Vestibulinho para o segundo semestre de 2022 oferece 80 vagas para o curso.

Projetada pelo arquiteto Ruy Ohtake, a escola está instalada em um campus de 72 mil metros quadrados, que conta com duas quadras poliesportivas, dois campos de futebol society com grama sintética, duas quadras de tênis, dois paredões de esportes de rebater, uma quadra de vôlei de areia, um ginásio poliesportivo coberto, uma pista de atletismo, uma pista de caminhada, além dos laboratórios de musculação, pilates, tênis de mesa, boxe, dança e expressão corporal e artes marciais.

Etec Comunidade

Com a volta das atividades presenciais, a Etec de Esportes retomou no início de maio o projeto Etec na Comunidade, que oferece programação esportiva e educacional gratuitamente para a população da Comunidade Bela Vista e demais regiões do entorno escolar. São 32 modalidades distribuídas nos períodos da manhã, tarde e noite. Os interessados podem praticar atletismo, caminhada, danças, jogos lúdicos e recreativos, esportes coletivos e individuais, condicionamento físico, musculação, pilates, lutas e tênis de quadra e mesa.

A última edição do projeto, realizado desde 2014, ocorreu em 2019. Quando foi interrompido, o Etec na Comunidade contava com cerca de 1,5 mil inscritos. O público é bastante abrangente e inclui desde crianças a partir de 6 anos até adultos da terceira idade, com uma participação ativa semanal de 300 a 400 alunos. Neste ano, a previsão é atender de 400 a 600 alunos por semana. O projeto tem o apoio da Unidade de Formação Inicial e Educação Continuada (Ufiec) do Centro Paula Souza (CPS).

As aulas ocorrem de segunda a sexta-feira, com professores de Educação Física credenciados pelo Conselho Regional de Educação Física da 4ª Região (CREF4/SP). O investimento do CPS é de R$ 541,6 mil para a contratação de pessoal e para a aquisição de material didático.

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

Nasceu em julho ou agosto?

Caixa libera abono do PIS/PASEP para trabalhadores nascidos em julho e agosto

Governo deve liberar R$ 4,5 bilhões para os benefícios, sendo R$ 3,9 bilhões para o PIS e R$ 613 milhões para o PASEP

Delação Premiada

Caso Marielle: STF julga esta terça denúncia dos mandantes envolvidos no crime

Ministros vão decidir se os suspeitos se tornarão réus por homicídio e organização criminosa; acusados estão presos desde março

©2021 Gazeta de São Paulo. Todos os Direitos Reservados.

Layout

Software

Newsletter