X

BALANÇO DA ENEL NO 1º TRIMESTRE

Taboão e região registram mais de 1 mil casos de furtos de energia

A concessionária registrou, no primeiro trimestre do ano, 118 operações com apoio policial em casos de furtos de energia, popularmente conhecido como 'gato'

Matheus Herbert

Publicado em 09/07/2024 às 17:00

Comentar:

Compartilhe:

A-

A+

Ao todo, foram realizadas 55.893 inspeções e identificadas 22.144 irregularidades nos 24 municípios sob concessão da companhia / Reprodução/Facebook

A Enel Distribuição São Paulo intensificou as ações de combate às fraudes e aos furtos de energia no primeiro trimestre de 2024. A distribuidora encontrou 564 irregularidades em Embu das Artes, 391 em Taboão da Serra e 175 em Itapecerica da Serra. Todos os municípios ficam na região sudoeste da Grande São Paulo. 

A concessionária registrou, no primeiro trimestre do ano, 118 operações com apoio policial em casos de furtos de energia, popularmente conhecido como “gato”. As operações planejadas pela distribuidora foram executadas com o apoio da Polícia Civil e resultaram em 107 prisões.

Ao todo, foram realizadas 55.893 inspeções e identificadas 22.144 irregularidades nos 24 municípios sob concessão da companhia. Entre as cidades com maior número de irregularidades encontradas, estão: São Paulo – Capital (16.190), Santo André (918), Mauá (591), Embu das Artes (564) e Carapicuíba (544).

Os números representaram um acréscimo de 5% na taxa de identificação de irregularidades, quando comparado ao mesmo período do ano passado. O texto conta com informações do "Portal O Taboanense". 

As fraudes identificadas atestam que o furto de energia se concentra em sua maioria nas residências (88%), mas também estão presentes nos estabelecimentos comerciais e industriais, o que representa 12% das ocorrências.

Além de ser crime, o furto de energia afeta diretamente a qualidade do serviço prestado pela distribuidora e põe em risco a população, principalmente as pessoas que manipulam a rede elétrica. As ligações irregulares podem causar curtos-circuitos e sobrecargas na rede elétrica, ocasionando interrupção no fornecimento de energia.

Como identificar e denunciar um gato de energia

A população também pode ajudar no combate às ligações clandestinas, denunciando situações suspeitas. Confira algumas dicas:

  • As ligações regulares precisam passar por um medidor de energia. Se tiver uma conexão direto da rede elétrica para uma residência, comércio ou indústria, pode ser uma ligação clandestina;
     
  • Fios sustentados por madeiras, bambus e outras estruturas improvisadas, também podem sinalizar que há um gato na rede de energia;
     
  • Quando um estabelecimento comercial vende mercadorias por preços baixíssimos, desconfie, pois o local pode estar praticando uma fraude na energia;
     
  • Presença de pessoas que acessam e manuseiam a rede elétrica do bairro, sem nenhum tipo de identificação ou equipamento de proteção, pode representar uma situação irregular. Somente a Enel tem autorização para trabalhar com a rede elétrica de forma segura e legal.

No site da Enel São Paulo tem uma área exclusiva para denúncias de fraude, basta acessar o site da empresa ou pelo aplicativo Enel SP, não é necessário se identificar.

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

Automotor

Conheça o Territory: SUV médio da Ford

Com apenas nove meses no mercado, o modelo novo do Territory já tornou-se mais fácil de encontrar nas ruas brasileiras

DISPUTA NA GRANDE SP

Pré-candidato do PL em Guarulhos anuncia vice e fala em 'momento histórico'

'Um momento histórico e de mudanças aqui para a nossa cidade', afirmou Sanches ao anunciar a formação da chapa

©2021 Gazeta de São Paulo. Todos os Direitos Reservados.

Layout

Software

Newsletter