X

APLICATIVO DE ENTREGA

Vereador de SP quer app de entrega de alimentos a população de baixa renda

PL do vereador Alfredinho (PT) prevê ainda que os restaurantes deverão garantir a possibilidade de pagamentos melhores aos entregadores

Bruno Hoffmann

Publicado em 16/05/2022 às 13:01

Atualizado em 16/05/2022 às 13:15

Comentar:

Compartilhe:

A-

A+

vereador Alfredinho, do PT / Reprodução/Facebook

Um projeto de lei na Câmara Municipal de São Paulo pretende criar um aplicativo para entrega de alimentos à população de baixa renda com valores considerados acessíveis. A proposta também quer aumentar o pagamento aos entregadores. A iniciativa é do vereador Alfredinho (PT).

O PL 221/2022, que ainda tramita em comissões da Câmara, prevê que os restaurantes que quiserem se cadastrar deverão garantir a possibilidade de pagamentos melhores por entrega e maior oferta de vagas para os entregadores, além de melhores preços para os clientes e estímulo à economia local.

Alfredinho destaca na justificativa do projeto que “grande parte das compras de alimentos são realizadas por meio de aplicativos, estes na maioria das vezes possuem valores altos e excessivos, assim fazendo com que poucas pessoas possam ter acesso a estes pedidos de alimentos”.

O vereador ainda argumenta que a proposta irá gerar empregos  para os entregadores e para os profissionais que possivelmente serão contratados por estes estabelecimentos devido ao aumento de demanda em seus comércios.

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

Nasceu em julho ou agosto?

Caixa libera abono do PIS/PASEP para trabalhadores nascidos em julho e agosto

Governo deve liberar R$ 4,5 bilhões para os benefícios, sendo R$ 3,9 bilhões para o PIS e R$ 613 milhões para o PASEP

Delação Premiada

Caso Marielle: STF julga esta terça denúncia dos mandantes envolvidos no crime

Ministros vão decidir se os suspeitos se tornarão réus por homicídio e organização criminosa; acusados estão presos desde março

©2021 Gazeta de São Paulo. Todos os Direitos Reservados.

Layout

Software

Newsletter