X

TABOÃO DA SERRA

Vereador de Taboão da Serra comemora reajuste dos servidores da educação

O vereador Anderson Nóbrega (MDB) celebrou o reajuste: "Mais uma promessa de campanha que está sendo cumprida"

Da Reportagem

Publicado em 20/05/2022 às 14:00

Atualizado em 20/05/2022 às 18:02

Comentar:

Compartilhe:

A-

A+

Divulgação

O vereador Anderson Nóbrega (MDB), votou sim, para o reajuste do funcionalismo, para a valorização dos funcionários da Educação de Taboão da Serra. “Mais uma promessa de campanha que está sendo cumprida”. O texto contém informações do "Portal O Taboanense".

Anderson Nóbrega considera a aprovação do projeto de lei complementar do prefeito Aprígio, um ato que irá ficar para a história de Taboão da Serra.

"Votamos a lei do prefeito Aprígio que inicia o reajuste dos funcionários públicos de nossa cidade, foram vinte anos sem que os governos passados adequassem os valores que estão absurdamente defasados, mas em nosso governo a história vai mudar”, afirmou o vereador.

Nóbrega também destacou a aprovação da “da lei para a reforma do magistério, o piso salarial a partir de agora no governo Aprígio é o maior de nossa região, incluído São Paulo. Desta forma, valorizando essa profissão tão importante nós não vamos mais perder bons profissionais para outras cidades”.

O prefeito Aprígio sancionou na última quarta-feira, dia 18, duas Leis Complementares (LC) que beneficiam os funcionários públicos municipais. Uma delas é a LC nº 381/2022 que eleva o piso salarial de todos os professores que fazem parte do Plano de Cargos e Carreiras do Magistério da Prefeitura de Taboão da Serra. A segunda é a LC nº 382/2022, que altera o valor do abono salarial concedido à alguns cargos.

Novo Abono Salarial

A LC nº 382/2022, sancionada pelo Prefeito Aprígio, altera o valor do abono salarial que é concedido aos cargos do funcionalismo municipal cujo salário-base é menor que o salário mínimo nacional. Para Ajudante Geral, Servente Merendeira e Cozinheiro o abono saltou de R$250,00 para R$418,00, por exemplo.

Reajuste 10,16%

Nos próximos dias o prefeito Aprígio promulgará o decreto municipal que concede o reajuste de 10,16% para todos os servidores efetivos municipais. O percentual tem como base o Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC) do ano passado, calculado pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

Nasceu em julho ou agosto?

Caixa libera abono do PIS/PASEP para trabalhadores nascidos em julho e agosto

Governo deve liberar R$ 4,5 bilhões para os benefícios, sendo R$ 3,9 bilhões para o PIS e R$ 613 milhões para o PASEP

Delação Premiada

Caso Marielle: STF julga esta terça denúncia dos mandantes envolvidos no crime

Ministros vão decidir se os suspeitos se tornarão réus por homicídio e organização criminosa; acusados estão presos desde março

©2021 Gazeta de São Paulo. Todos os Direitos Reservados.

Layout

Software

Newsletter