X

ELEIÇÕES 2022

Vinicius Poit: 'Comigo não vai ter mais aumento de imposto em SP'

Em entrevista à Rádio Trianon e à Gazeta, pré-candidato do Novo ao Governo de SP afirma que 1ª medida no cargo seria revogar o aumento do ICMS no Estado

Bruno Hoffmann

Publicado em 06/06/2022 às 15:00

Atualizado em 06/06/2022 às 17:02

Comentar:

Compartilhe:

A-

A+

Vinicius Poit em entrevista à Rádio Trianon e à Gazeta / Ettore Chiereguini/Gazeta de S. Paulo

O deputado federal e pré-candidato ao Governo de São Paulo pelo Novo, Vinicius Poit, afirmou na manhã desta segunda-feira em entrevista ao programa Metrópole em Foco, da Rádio Trianon, que não vai permitir mais nenhum aumento de imposto em São Paulo caso seja eleito ao Palácio dos Bandeirantes. 

“Comigo não vai ter mais aumento de imposto nenhum no estado de São Paulo. Inclusive, a minha primeira atitude [caso seja eleito ao cargo] vai ser revogar o decreto que deu um cheque em branco para o Doria aumentar o ICMS no meio da pandemia”, garantiu ele.

A entrevista, comandada pelo jornalista Pedro Nastri, contou com a participação do repórter Bruno Hoffmann, da Gazeta.

 

O pré-candidato também foi questionado sobre como reaquecer a produção fabril no Estado, principalmente no ABC Paulista, que enfrenta uma fuga de empresas nos últimos anos. 

Poit afirmou que, além de revogar o aumento de impostos, ele pretende enxugar a máquina pública e devolver rapidamente o crédito tributário às indústrias paulistas. Em médio prazo, também quer investir em ensino profissionalizante, “ a exemplo do que Zema [o governador Romeu Zema] fez em Minas”.

Durante a conversa, Poit destacou algumas vezes que não vai usar o fundo eleitoral, conhecido como fundão, a que os partidos têm direito durante as eleições. Ele, inclusive, devolveu ao lado de companheiros de partido na última semana mais de R$ 87 milhões a quem o partido teria direito para usar no pleito deste ano.

 

Vinicius Poit em entrevista à Rádio Trianon e à Gazeta

Foto: Ettore Chiereguini/Gazeta de S. Paulo

“O Novo é o único partido que não usa o dinheiro do povo. O valor de todos os partidos reunidos dá R$ 5 bilhões, que poderia ir para a segurança, para a saúde. Desafio todos os outros pré-candidatos a abrir mão do fundo eleitoral”, disse.

“Tem que expor os vagabundos que usam o fundão. Esse pessoal tem que ter coragem de assumir que vai utilizar, ou abrir mão”, completou, enfático.

Privatizar a Sabesp

Vinicius Poit garantiu que vai trabalhar para privatizar a Sabesp,  empresa de economia mista responsável pelo fornecimento de água, coleta e tratamento de esgotos de 363 municípios paulistas.

Segundo ele, um dos motivos para a decepção com a gestão João Doria (PSDB) no Governo de São Paulo foi deixar de fazer a privatização da Sabesp. Ele também se diz decepcionado com o presidente Jair Bolsonaro (PL).

“Eu pedi voto para o Bolsonaro e para o Doria no segundo turno de 2018. Eu acreditava que Bolsonaro iria fazer todas as privatizações e as reformas necessárias. E eu acreditava que Doria iria privatizar a Sabesp, enxugar as secretarias, melhorar o salário da polícia”, explica.

 

Vinicius Poit

Foto: Ettore Chiereguini/Gazeta de S. Paulo

Ele, porém, não se arrepende de ter votado em ambos àquela altura, porque as outras opções “eram piores”. “Era o o PT para a presidência da República e o Márcio Cuba [Márcio França] para governador, que é apoiador do Lula. Ele fica brigando com o [Fernando] Haddad para ver quem é  filho mais bonito do Lula”.

Na entrevista, Poit também prometeu colocar 4,5 mil escolas com ensino integral no Estado, diminuir em pelo menos 10 as secretarias do governo paulista e adotar um prontuário eletrônico único na área da saúde estadual.

Assista à entrevista completa no link abaixo:

 
Entrevista com pré-candidato ao governo de SP em 2022 Vinicius Poit

Vinicius Poit pré-candidato ao governo de SP em 2022

Posted by Pedro Nastri II on Monday, June 6, 2022

 

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

Lançamento

Nova geração da XRE 300 chega as concessionárias em agosto; confira

Depois de um hiato de 15 anos, a Tornado voltará ao mercado unindo a essência clássica que a tornou famosa às tecnologias modernas

NOVA AMAROK

Novo carro da Volkswagen chega no Brasil em agosto; saiba qual

Modelo ficou na sexta posição em ranking de picapes médias

©2021 Gazeta de São Paulo. Todos os Direitos Reservados.

Layout

Software

Newsletter