últimas notícias
Em Taboão da Serra, um deslizamento na rua das Camélias  interditou quatro casas e um prédio
Em Taboão da Serra, um deslizamento na rua das Camélias interditou quatro casas e um prédio
Foto: RICARDO VAZ/DIVULGAÇÃO/PREFEITURA DE TABOÃO DA SERRA

Grande SP registra deslizamentos; chuva segue até sexta-feira

Em Barueri e Taboão da Serra foram registrados dois deslizamentos; não houve registro de vítimas

Desde o começo do mês, os moradores da Grande São Paulo têm sofrido com as fortes chuvas. Na segunda-feira (3), as ruas da região central de Francisco Morato ficaram alagadas após um córrego transbordar. Já em Barueri e Taboão da Serra foram registrados dois deslizamentos. Não houve registro de vítimas. De acordo com a Defesa Civil, as fortes chuvas seguirão até sexta-feira (7).

Ainda de acordo com a Defesa Civil, nas últimas 24 horas, choveu 90 milímetros - 40% do esperado para todo o mês de fevereiro - e a previsão é que acumule até 110 milímetros na região metropolitana de São Paulo.

Em Taboão da Serra, por volta das 6h30 desta terça-feira (4), um deslizamento na rua das Camélias, no Parque Assunção, interditou quatro casas e um prédio, construído na rua debaixo, que dá acesso a uma escola particular. De acordo com a prefeitura, 67 famílias que moravam no prédio também foram removidas.

Ainda de acordo com a prefeitura, as famílias só poderão voltar às suas residências após um laudo da Defesa Civil. Esse laudo ainda não tem previsão para ser concluído.

Em Barueri, um muro desmoronou no Jardim Belval. O muro caiu em cima de um carro e de uma casa. O imóvel foi interditado e ninguém se feriu.

CHUVA CONSTANTE

Hoje, de acordo com o Centro de Gerenciamento de Emergências (CGE), o tempo deve ficar instável e chuvoso e a partir do início da tarde, possibilidade de pancadas de chuva na Grande SP. As temperaturas variam entre 19°C e 26°C.

Já na quinta-feira (6), as pancadas de chuva devem começar durante a tarde e variam de moderada a forte intensidade.

"Há uma preocupação bastante grande, porque a gente já está vindo de um período chuvoso, solo bastante úmido, bastante ocorrência de alagamento e inundação. Então, a gente tem a preocupação de alertar a população para que evite esses locais recorrentes de acidentes", disse o tenente coronel Henguel ao "G1".

CAPITAL

Parte de uma residência desmoronou devido às chuvas que atingiram a capital paulista na tarde de segunda-feira, no bairro do Jaguaré. De acordo com o Corpo de Bombeiros, um homem ficou ferido, mas não apresentou fraturas.

Oito viaturas do Corpo de Bombeiros foram enviadas para o local e a vítima foi socorrida e levada para o Hospital Regional de Osasco. A Defesa Civil também foi acionada para a ocorrência.

De acordo com o Corpo de Bombeiros, desde às 00h desta segunda (3) eles foram acionados para 29 quedas de árvore, 3 enchente e 4 desabamentos/desmoronamentos.

Tops da Gazeta