últimas notícias
Central de monitoramento passou a auxiliar as ações da GCM no combate ao descarte irregular de entulhos em Taboão da Serra
Central de monitoramento passou a auxiliar as ações da GCM no combate ao descarte irregular de entulhos em Taboão da Serra
Foto: RICARDO VAZ/PMTS

Câmeras de vigilância flagram descarte irregular de entulhos

Novas câmeras do Centro de Operações e Inteligência flagraram despejos ilegais no Jardim Maria Helena, Jardim São Judas e no Jardim Beatriz

As novas câmeras de vigilância instaladas em Taboão da Serra também estão auxiliando a prefeitura a combater os descartes irregulares de entulho. O novo serviço de monitoramento, que entrou em operação há duas semanas e tinha como principal objetivo diminuir os roubos, passou a auxiliar as ações da GCM (Guarda Civil Municipal) no combate ao descarte.

Leia mais:

Nos últimos 15 dias, as câmeras do COI (Centro de Operações e Inteligência) flagraram despejos ilegais no Jardim Maria Helena, Jardim São Judas e no Jardim Beatriz.

OPERAÇÃO.

O serviço de videomonitoramento funciona por meio de 40 câmeras de alta resolução que foram instaladas em locais estratégicos na cidade. Para facilitar a identificação de criminosos, o COI é integrado com o sistema de boletins de ocorrência da Secretaria de Segurança Pública do Estado de São Paulo.

As imagens das câmeras de videomonitoramento podem ser solicitadas apenas por ordem judicial. “Todo o conteúdo gerado ao COI é confidencial. O único propósito é contribuir com o atendimento de ocorrências e tornar o combate ao crime cada vez mais eficiente”, explica o secretário de Segurança e Defesa Social de Taboão, Walter Paulo.

Além do descarte de entulhos, o COI auxilia a GCM no combate aos demais crimes e os agentes de trânsito e do SAMU (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) a chegarem mais rapidamente aos locais de ocorrências. O monitoramento opera todos os dias, de forma ininterrupta.

 

Comentários

Tops da Gazeta