últimas notícias
Orlando Morando pediu apoio da população para evitar aglomerações e utilizar a máscara corretamente
Orlando Morando pediu apoio da população para evitar aglomerações e utilizar a máscara corretamente
Foto: DIVULGAÇÃO

São Bernardo do Campo endurece regras de flexibilização

Novas regras preveem a diminuição de atendimento em bares e restaurantes de 60% para 50% e funcionamento, de 23h para 22h

A cidade de São Bernardo do Campo, no ABC Paulista, vai reduzir a flexibilização da quarentena devido ao aumento de casos de Covid-19. As novas regras, que preveem redução no horário de atendimento e capacidade, além de proibição de apresentações de música ao vivo, passarão a valer a partir de segunda-feira (30).

De acordo com a prefeitura, o aumento no número de ocupação nos leitos de UTI cidade -quase o dobro de utilização no comparativo com o dia 1º deste mês, que estava em 38% – foi o principal fator para o endurecimento das regras de flexibilização no município.

“A população não está colabo­rando. Estava indo bem, mas todo mundo relaxou. O vírus continua entre a gente. Estava estabilizado? Estava. Porém, as pessoas não estão mais usando a máscara e há aglomerações, com isso houve aumento das internações. As notícias não são boas, ontem [quinta-feira] batemos em 69% de ocupação de UTIs [unidade de terapia intensiva], mesmo índice que tivemos no pico da pandemia”, destacou Morando na última sexta.

A ocupação de leitos de UTI estava em 56% e de enfermaria, em 52% na última sexta-feira, segundo o prefeito. Ao todo, o município tem 387 leitos para tratamento de pacientes de coronavírus, 111 de UTI e 276 de enfermaria.

Mudanças

As novas regras preveem a diminuição de atendimento em bares e restaurantes de 60% para 50% e funcionamento, de 23h para 22h.

Estabelecimentos como buffets, shopping e comércio em geral, poderão receber dentro de espaços 50% da capacidade e horário máximo de funcionamento até às 22h. Os salões de beleza e estabelecimentos de estética terão redução para 50% na capacidade total.

As academias terão o atendimento reduzido para 40% do público e a seis horas de funcionamento, em período determinado por cada proprietário.

Proibição

Cinemas e teatros voltam a ter suas atividades suspensas, devendo ficar fechadas neste período, assim como as atividades de games, jogos eletrônicos e infantis de qualquer natureza neste período, devendo referidos locais perma­necerem fechados.

Demais atividades que vão ficar fechadas são as pistas de boliche, os serviços de manobrista (valet) neste período em qualquer espécie de estabelecimento, público e/ou privado, além da execução de música ao vivo de qualquer espécie neste período, inclusive DJs, estando vedado a utilização de pistas de dança para tal fim.

O prefeito fez apelo para que a população volte a respeitar o isolamento. “Vamos seguir com trabalho prioritário no cuidado de todos. Esse aumento no número de casos é preocupante. Intensificamos essas ações de fiscalização e res­trição a fim de impedirmos mais avanço, para proteger as pessoas, sem impactos para atividade comercial. Quero muito pedir a ajuda. Contamos com a colaboração de todos para que não ocorra relaxamento e seguiremos monitorando de perto, caso necessite de mais restrições”, destacou Morando.

Comentários

Tops da Gazeta