últimas notícias
Vítima tinha medida protetiva, que, em tese, deveria impedir a aproximação do ex
Vítima tinha medida protetiva, que, em tese, deveria impedir a aproximação do ex
Foto: Reprodução

PM prende homem que matou a ex-mulher em Taboão da Serra

Mulher de 30 anos foi assassinada com várias facadas pelo ex-marido no Jardim Saint Moritz; vítima deixa quatro filhos

O município de Taboão da Serra registrou na madrugada da última quarta-feira, dia 24, mais um crime brutal. Uma mulher de 30 anos foi assassinada com várias facadas pelo ex-marido. O caso aconteceu no Jardim Saint Moritz.

A vítima deixa quatro filhos. Ela tinha medida protetiva, que, em tese, deveria impedir a aproximação do ex. Contra ele havia diversas denúncias de perseguição e ameaça. As informações são do "Portal O Taboanense". 

O ex-marido teria agido por ciúmes ao vê-la com outra pessoa. Após uma discussão, ele correu atrás dela e desferiu diversos golpes de faca. Ela morreu no local.

Leia mais: 

O homem foi preso por policiais militares em Praia Grande, no litoral sul de São Paulo. Ele foi localizado devido ao Sistema de Monitoramento de Placas de Veículo do Estado de São Paulo e do município de Praia Grande. Ele foi detido em um apartamento na quarta-feira.

Com ele foi encontrado a arma usada no crime, o celular da vítima e as roupas que ele usou durante o assassinato. Todos os objetos estavam com sangue, possivelmente da vítima.
Aos policias o homem confessou o crime e disse que ia ficar uns três dias na praia depois fugiria para sua cidade natal, Icó, no Ceará.

O caso foi registrado no 2º DP de Taboão da Serra como feminicídio. O criminoso foi encaminhado para o 1º DP de Taboão da Serra onde está à disposição da justiça.

Comentários

Tops da Gazeta