últimas notícias
Mercado Carrefour em Taboão da Serra, na Grande São Paulo
Mercado Carrefour em Taboão da Serra, na Grande São Paulo
Foto: Eduardo Toledo/Portal o Taboanense

Carrefour abrirá 200 vagas no ABC até o final deste ano

Do total de oportunidades, 80 destinam-se a São Bernardo, 70 a Santo André, 30 a Diadema e 20 para São Caetano

O Carrefour, maior rede varejo alimentar do país, abrirá cerca de 200 vagas de emprego no ABC até o final deste ano. Do total de oportunidades, 80 destinam-se a São Bernardo, 70 a Santo André, 30 a Diadema e 20 para São Caetano.

As vagas possuem cargas horárias distintas de acordo com a posição. Há oportunidades para vários cargos, como recepcionista de caixa, repositor, açougueiro, padeiro, peixeiro, agentes de fiscalização, operador de centro de distribuição, farmacêutico, frentista, operador de loja de conveniência, técnico de manutenção, entre outros.

Todas as oportunidades são efetivas e serão gradualmente preenchidas até dezembro deste ano. Além dos benefícios legais, a empresa oferece convênio médico, odontológico e de farmácia, além de 5% de desconto nas compras feitas com o Cartão Carrefour nas lojas da rede.

Todas as etapas do processo seletivo acontecem de forma online, com exceção da entrevista com o gestor, que é realizada presencialmente para que o candidato possa visitar a unidade e visualizar a função que será desempenhada. Para se candidatar, os interessados devem acessar o site de carreiras da companhia (https://carrefour.99jobs.com/) e checar quais são os requisitos de cada vaga.

Somente no primeiro semestre deste ano, o Carrefour contratou mais de 5 mil colaboradores em todo o país. Em nota, a companhia informa que incentiva a diversidade e inclusão, buscando candidaturas de pessoas com deficiência e dos mais diversos perfis, além de contar com programas de formação de lideranças voltados para mulheres e pessoas negras. Nas contratações, são levadas em conta tanto as aptidões individuais que atendem às exigências das vagas quanto a meta de diversificação do time.

Comentários

Tops da Gazeta