últimas notícias
Fachada do Hospital Municipal Pimentas Bonsucesso 
em Guarulhos, na região metropolitana de São Paulo
Fachada do Hospital Municipal Pimentas Bonsucesso em Guarulhos, na região metropolitana de São Paulo
Foto: DIVULGAÇÃO

Guarulhos determina intervenção na gestão de dois hospitais do município

Medida foi tomada após reclamações de usuários nos hospitais Municipal Pimentas Bonsucesso e Municipal da Criança e Adolescente (HMCA), geridos pela Organização Social IDGT

Na manhã desta segunda-feira (22), a Prefeitura de Guarulhos, determinou a intervenção do Hospital Municipal Pimentas Bonsucesso (HMPB) e o Hospital da Criança e Adolescente (HMCA), pelos próximos 30 dias.

Os dois hospitais municipais são administrados pela Organização Social IDGT. A ação ocorreu após o número de reclamações dos usuários dos hospitais. A intervenção pode ser prorrogado ou diminuído. 

A Secretaria de Saúde de Guarulhos apurou uma série de descumprimentos contratuais nos últimos meses relacionado ao atendimento dos pacientes, como falta de insumos e de medicamentos. Além disso, a falta de profissionais de saúde provocou o cancelamento de procedimentos e cirurgias.

O Hospital Pimentas Bonsucesso, atende em média 1.000 pessoas por dia e conta com 169 leitos e 24 UTIs. O contrato da administração municipal IDGT vigora até 31 julho de 2022, ao custo de R$ 6.929.891,00 por mês. 

O Hospital Municipal da Criança e Adolescente conta com 15 UTIs, com 121 leitos e atende 800 pacientes diariamente. O contrato é até 2024 e tem um custo mensal de R$4.990.690,95.

Comentários

Tops da Gazeta