últimas notícias
Confecção onde adolescente boliviano trabalhava exaustivamente em Guarulhos
Confecção onde adolescente boliviano trabalhava exaustivamente em Guarulhos
Foto: Divulgação/Polícia Federal

NOTAS

Trabalho escravo. Na noite da última quarta-feira, policiais federais prenderam em flagrante um boliviano que mantinha um conterrâneo de16 anos sob condições degradantes de trabalho em uma oficina de costura em Guarulhos. A vítima, que trabalhava exaustivamente, usou um aplicativo de celular para enviar sua localização para o pai na Bolívia. Após a prisão, o adolescente foi encaminhado ao conselho tutelar. De acordo com a Polícia Federal (PF), a pena prevista para o criminoso, cujo nome não foi divulgado, é de 2 a 8 anos de prisão. (GSP)

Investigação. O Setor de Homicídios de Mogi das Cruzes assumiu o caso do guarda municipal morto com um tiro na cabeça na quarta-feira, em Itaquaquecetuba. O agente estava em uma moto e fazia escolta para a entrega de produtos comprados pela internet, quando foi abordado por dois criminosos na rua Malásia, no Jardim Adriane e executado. Os suspeitos são procurados. (GSP)

Tops da Gazeta