últimas notícias

Motorista de App se joga de carro para escapar de assalto

Um motorista de aplicativo de Suzano foi vítima de um assalto na noite de quinta-feira. Ao ver uma viatura da Polícia Militar, ele tentou pular do carro em movimento para escapar dos criminosos. Um suspeito foi baleado pela Polícia Militar e morreu. Os outros dois foram presos.

A PM informou que por volta das 23h30, três suspeitos, um deles armado, abordaram um motorista de aplicativo em na rua Gato Cinzento, no Jardim Urupês, quando ele encerrava uma corrida. A vítima foi obrigada a ficar dentro do carro.

O motorista seguiu com o trio até um posto de combustíveis na SP-66. Eles tentaram sacar dinheiro da vítima em um caixa eletrônico, mas não conseguiram.

De acordo com a Polícia Militar, próximo ao Viaduto Leon Feffer o motorista tentou se jogar do veículo em movimento ao ver uma viatura da PM. Os policiais perceberam a ação e abordaram o carro.

Segundo a PM, houve resistência e um dos suspeitos foi baleado e levado para Santa Casa de Suzano, mas não resistiu aos ferimentos e morreu. Os outros dois suspeitos foram presos. O motorista não teve ferimentos.

O caso foi registrado na delegacia de Suzano.

OUTRO CASO.

Na madrugada da última sexta-feira, um guarda civil municipal (GCM) foi feito refém por quatro criminosos enquanto guardava o seu carro na garagem de casa, no Alto do Ipiranga, em Mogi das Cruzes. Ele conseguiu se soltar e balear um dos suspeitos.

A vítima contou à polícia que saiu de carro para levar a esposa ao trabalho e, ao retornar, quando foi abordado pelos indivíduos, que os amarraram com um cadarço de tênis e uma blusa e o prenderam dentro da casa.

De acordo com a polícia, o suspeito baleado deu entrada em um pronto-socorro da zona leste da Capital e foi
preso.

Os outros três criminosos não tinham sido identificados até sexta-feira. (GSP)

Tops da Gazeta