últimas notícias
Imóveis têm potencial last mile, tendência que traz centros de distribuição para dentro das cidades
Imóveis têm potencial last mile, tendência que traz centros de distribuição para dentro das cidades
Foto: DIVULGAÇÃO/LANCE NO LEILÃO

BB leiloa imóveis com potencial logístico

Há imóveis para investidores, pessoas físicas ou jurídicas; propriedades estão localizadas em cinco estados brasileiros

O Banco do Brasil está leiloando imóveis com potencial para se transformar em centros de distribuição urbanos. As propriedades estão localizadas em São Paulo e no Rio de Janeiro e podem receber ofertas até o dia 9 de junho, às 12h, no site da empresa Lance no Leilão.

Em São Paulo, está disponível um galpão de 11 mil m², na capital do estado, a 450 metros da Marginal Tietê. O imóvel possui dois pavimentos e um mezanino e pode ser adquirido a partir de R$ 12,3 milhões. Já no Rio de Janeiro, o banco está vendendo um prédio comercial de 3 mil m² de área construída, com cinco pavimentos e potencial para empresas portuárias, storages verticais e retrofit. Situado no bairro de Gamboa, zona portuária da capital carioca, próximo a pontos como o aeroporto Santos Dumont, a Cidade do Samba e o Museu do Amanhã, o prédio possui lance inicial de R$ 2,3 milhões.

Macaque in the trees
Imóveis têm potencial last mile, tendência que traz centros de distribuição para dentro das cidades

Na opinião da leiloeira oficial da Lance no Leilão, Carla Umino, ambas as propriedades possuem potencial para negócios no perfil last mile, uma tendência mundial que traz centros de distribuição para dentro de grandes cidades, com o objetivo de aumentar a rapidez das entregas de mercadorias para o consumidor. "Acredito que essa tendência e, consequentemente, a busca por imóveis desse tipo, vai aumentar em virtude do super aquecimento do e-commerce", analisa Carla.

Além das duas propriedades, o leilão ainda traz outras ofertas para diferentes perfis de investidores, distribuídas pelos estados da Bahia, Santa Catarina, Minas Gerais, e também no interior de São Paulo, com lances iniciais que variam de R$ 83 mil a R$ 13,7 milhões.

O imóvel com o menor valor mínimo fica na cidade de Blumenau, em Santa Catarina. Trata-se de um apartamento residencial, com área de 71,84 m², localizado no bairro Velha, onde acontece a Oktoberfest, um dos mais procurados para se morar na cidade. Já a propriedade de maior lance inicial é um prédio comercial em Jundiaí, no interior paulista. Com quase 5 mil m² de área construída, a propriedade abriga uma agência do BB, que será transferida, e possui andares ocupados pelo Tribunal Regional do Trabalho da 15ª Região.

Macaque in the trees
As propriedades estão localizadas em SP e no RJ e podem receber ofertas até o dia 9 de junho (Foto: Divulgação/Lance no Leilão)

Outra oportunidade é uma agência desativada, em Coração de Maria (BA), cujo lance inicial é R$ 533 mil.

Para a aquisição dos imóveis será possível pagamento à vista ou financiamento. O BB ficará responsável por quitar eventuais valores de IPTU, ITR, CCIR, laudêmio e condomínio.

Os interessados em participar do leilão precisam fazer um cadastro com até 48 horas de antecedência no site da empresa leiloeira, no qual também é possível consultar o edital do pregão, bem como ver vídeos dos imóveis disponíveis.

Galeria de Fotos

Comentários

Tops da Gazeta