últimas notícias
De acordo com a CPTM, o espaço interno é um dos principais diferenciais do 1700
De acordo com a CPTM, o espaço interno é um dos principais diferenciais do 1700
Foto: Divulgação

CPTM faz pregão de carros ferroviários

No pregão serão leiloadas cinco composições do modelo 1700, que entrou em circulação em 1987 e prestou serviço na Linha 7 - Rubi, quando quem operava o trajeto era a CBTU

Na próxima quarta-feira, 11 de novembro, às 10h, a Companhia Paulista de Trens Metropolitanos (CPTM) realiza seu primeiro leilão com lotes de carros ferroviários unitários. A inovação tem como objetivo atrair um novo público para os certames da empresa.

"Queremos atrair entusiastas, colecionadores e empresas interessadas em construir espaços temáticos com o charme ferroviário", explicou o gerente de logística da CPTM, Leandro Capergiani.

No pregão serão leiloadas cinco composições do modelo 1700, que entrou em circulação em 1987 e prestou serviço na Linha 7 - Rubi, quando quem operava o trajeto era a Companhia Brasileira de Trens Urbanos (CBTU). De acordo com a CPTM, o espaço interno é um dos principais diferenciais do 1700, que poderá ser arrematado a partir de R$ 40,5 mil a unidade.

Macaque in the trees
Foto: Divulgação

Além dos carros ferroviários, também serão leiloados lotes de dormentes, trilhos e outros tipos de sucatas destinados à indústria da reciclagem. A venda deste tipo de material pela Companhia é comum, ao todo, são realizados cerca de quatro leilões do tipo por ano, sendo que, desta vez, a estimativa total de arrecadação é de cerca de R$ 3 milhões.

Os interessados em realizar ofertas devem se cadastrar na página do pregão, que acontecerá por meio do site www.siteleiloes.com.br.

Galeria de Fotos

Comentários

Tops da Gazeta